Postos de combustíveis da Bahia correm o risco de ficar sem diesel S10 e S500

bahia
12.08.2020, 10:28:00
Atualizado: 12.08.2020, 10:42:40
(Marina Silva/Arquivo CORREIO)

Postos de combustíveis da Bahia correm o risco de ficar sem diesel S10 e S500

Sindicato denuncia que alguns revendedores estão recebendo da distribuidora cerca de 50% a menos desses combustíveis

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O abastecimento de diesel S10 e S500 corre o risco de ficar comprometido na Bahia a partir desta quarta-feira (12). Em nota, o Sindicombustíveis Bahia informou que a BR Distribuidora está restringindo o abastecimento de diesel S10 e S500 nos postos de combustíveis da Bahia. O sindicato afirmou ainda que revendedores tem se queixado da restrição de venda da distribuidora e que os produtos podem faltar no mercado baiano para abastecer carros ou caminhões com motores diesel, a partir desta quarta-feira (12).

“Alguns revendedores estão recebendo da distribuidora cerca de 50% a menos de diesel S10 e S500 e a preocupação da categoria é não ter esses produtos nos postos”, comenta Walter Tannus, presidente do Sindicombustíveis Bahia. Ele explica que a restrição da venda do diesel S10 e S500 é devido à escassez do biodiesel, especificamente do óleo de soja, que tem grande demanda da China.

O diesel S10 e S500 é um combustível feito a partir do óleo diesel derivado do petróleo e do biodiesel das plantas (óleos vegetais) ou de animais (gordura animal). O percentual da mistura do biodiesel ao óleo diesel, determinado pela legislação em vigor, é de 12% para venda ao consumidor final.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas