Prefeitos discutem garantias de compensações ambientais da venda da RLAM

bahia
28.09.2021, 18:37:07
Atualizado: 28.09.2021, 18:47:49
(Divulgação/Betto Jr/Secom)

Prefeitos discutem garantias de compensações ambientais da venda da RLAM

Gestores de Salvador, Candeias, Madre de Deus e São Francisco do Conde defendem participação dos municípios nos processos de licenciamento da Landulpho Alves

Os prefeitos Bruno Reis, de Salvador, Dr. Pitágoras, de Candeias, Dailton Filho, de Madre de Deus, e Antônio Calmon, de São Francisco do Conde, estiveram reunidos, nesta terça-feira (28), no Palácio Thomé de Souza. O grupo discutiu estratégias para garantir compensações ambientais e sociais  aos municípios no processo de venda da Refinaria Landulpho Alves (RLAM) e dos ativos da Petrobras na Região Metropolitana de Salvador (RMS), ao grupo árabe Mubadala, através da empresa Acelen.

No encontro, os gestores defenderam a participação dos municípios nos processos de licenciamento e transferência de licenças, e de apuração de compensações, com auditoria das licenças existentes.
Os gestores reconheceram a importância da Petrobrás para o desenvolvimento econômico da região, e afirmaram que, apesar do apoio à venda da refinaria para a nova empresa, o momento é propício para um balanço ambiental da operação da empresa. 

“Esta é uma oportunidade única para garantir que os eventuais danos causados durante os 50 anos de operação da refinaria, a exemplo da diminuição da fauna marinha, e dos impactos sociais da contaminação do solo e do ar, sejam reparados. Esta é uma região que possui povos tradicionais, como indígenas e quilombolas, além de pessoas que dependem da pesca, que foram bastante afetadas pela atividade. Precisamos fechar bem um ciclo para começar um novo, com mais controle e monitoramento ambiental, preservando nossa riqueza natural mais valiosa, que é a Baía de Todos os Santos, uma causa de toda a Bahia, de todos os baianos.”, conclui o Prefeito Bruno Reis.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas