Prefeitos se reúnem para apresentar propostas de reabertura do comércio na RMS

coronavírus
16.07.2020, 10:07:00
Atualizado: 16.07.2020, 10:07:36

Prefeitos se reúnem para apresentar propostas de reabertura do comércio na RMS

A abertura do comércio dos “não essenciais” está associada à oferta de mais de 25 % de leitos de UTI’s na Bahia

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Representantes dos municípios da Região Metropolitana de Salvador participam, nesta quinta-feira (16), a partir das 14h, de uma reunião para apresentarem propostas de protocolos visando a reabertura do comércio de suas localidades. O encontro de gestores municipais será realizado no Centro Administrativo de Lauro de Freitas (CALF), local de onde será feita uma Coletiva à Imprensa online, no Facebook da Prefeitura de Lauro de Freitas, logo após o término da reunião, às 16h. 

A fim de evitar aglomerações, os gestores ficarão em uma sala exclusiva, respeitando o distanciamento mínimo entre eles.  Seus assessores e a imprensa presentes, ficarão em outras salas, também mantendo a distância e outras medidas preventivas recomendadas pela OMS, relacionadas ao enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. Esta será a terceira reunião entre esses prefeitos.

A primeira foi em Camaçari e a segunda em Simões Filho. A previsão de abertura do comércio dos “não essenciais”, está associada, dentre outras questões, à oferta de mais de 25 % de leitos de UTI’s no Estado da Bahia ou mesmo na RMS. Ou seja, um percentual de ocupação menor que 75% dos leitos de UTI na Bahia e diminuição das taxas de contaminação e de óbitos. O Governo do Estado está apoiando a iniciativa e mantendo os gestores informados das medidas que estão sendo feitas pra garantir mais vagas de UTI’s. 
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas