Prefeitura de SP vai liberar abertura de escolas no dia 1º de fevereiro

coronavírus
14.01.2021, 12:21:00
(Arquivo ABr)

Prefeitura de SP vai liberar abertura de escolas no dia 1º de fevereiro

Secretário diz que não há evidências de que crianças sejam índices para transmissão

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Prefeitura de São Paulo liberou nesta quinta-feira, 13, a abertura de escolas no dia 1º de fevereiro. Os colégios poderão reabrir com 35% da capacidade inicialmente. A rede privada será liberada para aulas regulares já no dia 1º e a rede municipal deve começar com atividades de acolhimento emocional aos estudantes.

Desde que assumiu a gestão, o novo secretário da Educação, Fernando Padula, se empenhou na reabertura dos colégios e conversou com grupos de pais, pediatras, cientistas e educadores para embasar o retorno à escola. A decisão foi tomada pelo próprio prefeito, Bruno Covas (PSDB).

Em coletiva de imprensa, o secretário de Saúde, Edson Aparecido, disse que não há evidências suficientes de que as crianças sejam índices para a transmissão. "A observação das taxas de internação e óbitos revela taxas baixas que se mantiveram consistentes para essa faixa etária, mas foi preciso que a gente tivesse longo tempo de análise e observação."

"A vigilância sanitária recomenda o retorno escolar seletivo para toda a rede de ensino, com a capacidade de 35% desses equipamentos a serem ocupados. É possível que todas as unidades voltem a funcionar, mas com capacidade máxima de 35%."


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas