PRF prende contrabandista de cigarro em Vitória da Conquista

bahia
31.03.2021, 11:33:00
Atualizado: 31.03.2021, 11:34:39
(Foto: Divulgação/PRF)

PRF prende contrabandista de cigarro em Vitória da Conquista

Homem foi descoberto após tentativa de fuga

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Um contrabandista foi preso na BR-116 em Vitória da Conquista, no sudoestes baiano, na madrugada desta quarta-feira (31). O criminoso foi identificado após uma tentativa de fuga. Na ação, policiais rodoviários federais também apreenderam uma caminhonete lotada com dez mil maços de cigarros.

A carga contrabandeada do Paraguai era transportada em uma caminhonete Oroch da montadora Renault. O motorista, de 40 anos de idade, tentou fugir, mas acabou preso em flagrante.

Por volta de 1h30, uma equipe da PRF que fazia fiscalização de combate a criminalidade deu ordem de parada ao motorista da caminhonete, que iniciou uma tentativa de fuga.

Ao longo de aproximadamente dois quilômetros, o homem tentou evitar a abordagem policial, dirigindo perigosamente e colocando em risco os demais usuários da rodovia.

Após interceptarem a caminhonete, os PRFs encontraram as carteiras de cigarro na carroceria e nos bancos do veículo.

O homem afirmou ter adquirido o produto ilícito em Minas Gerais e pretendia comercializá-lo em Vitória da Conquista. Esta apreensão causou um impacto financeiro de R$ 50 mil para a logística do crime organizado, segundo a corporação.

A PRF encaminhou a ocorrência para a Delegacia da Polícia Federal. O crime de contrabando prevê pena de prisão de dois a cinco anos.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas