Procon vai fiscalizar a venda de produtos natalinos

bahia
13.12.2019, 10:22:00
Atualizado: 13.12.2019, 10:25:36
(Foto: Michele Brito/Procon)

Procon vai fiscalizar a venda de produtos natalinos

Promoções enganosas e vendas casadas são alvos da operação

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-BA) começa a fiscalizar, a partir da próxima segunda-feira (16), as lojas de rua e os centros comerciais para evitar as práticas enganosas e abusivas praticadas por fornecedores e garantir aos consumidores boas compras dos presentes de Natal.

Durante a fiscalização, os agentes do órgão verificarão as condições de ofertas; promoções enganosas; forma de precificação dos produtos; vendas casadas; a presença do exemplar do Código de Defesa do Consumidor (CDC) nos estabelecimentos; as políticas de troca das lojas; entre outras práticas que podem lesar os consumidores.

Em 2018, cinco fornecedores foram autuados pelo órgão da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDHDS) e responderam a processos administrativos por terem apresentado problemas como: precificação inadequada; ausência do CDC em local visível e acessível aos consumidores; e por deixarem de apresentar tradução em língua portuguesa nos produtos importados expostos para venda.
 
A Operação “Natal 2019” acontecerá até o dia 20 de dezembro. As denúncias ao órgão podem ser encaminhadas através do aplicativo Procon Ba Mobile ou por e-mail: denuncia.procon@sjdhds.ba.gov.br.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas