Produtos sustentáveis de marcas baianas fazem sucesso em loja colaborativa

salvador
19.06.2020, 14:08:00
Atualizado: 19.06.2020, 14:10:52
Loja colaborativa comercializada produtos feitos por mulheres (Fotos: divulgação)

Produtos sustentáveis de marcas baianas fazem sucesso em loja colaborativa

Mesmo durante a pandemia, procura por itens se manteve na Guapa

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Quando abriu a Guapa em 2017, a empresária Isadora Alves não tinha uma ideia clara de como a sustentabilidade poderia fazer parte do seu dia a dia para além de práticas já disseminadas, como a economia de energia ou a reciclagem de lixo. Ao lado da sócia, Tarsila Ferreira, adotou como princípio para a loja colaborativa localizada no Shopping Rio Vermelho comercializar produtos artesanais, feitos por mãos de mulheres. “Esse é o nosso foco e hoje temos na loja cerca de 30 marcas”, afirma a empresária.

Dora conta que a relação com a sustentabilidade foi sendo construída naturalmente. “Por conta do nosso trabalho já voltado para produtos artesanais, fomos estudando e nos envolvendo também com o Fashion Revolution, descobrindo sobre o upcycling, a reutilização de matéria-prima, até que veio uma parceria nossa, Ana Fernanda e trouxe o Julho sem Plástico. Foi quando abraçamos a causa”, relata.

A partir desse momento, em 2018, a Guapa abraçou definitivamente a causa do meio ambiente e da sustentabilidade. “Fomos captando marcas que trouxessem produtos que substituíssem descartáveis. A gente aumentou nossa oferta de cosméticos artesanais. Anteriormente tínhamos uma marca, hoje são cinco. É um dos produtos mais procurados na loja”, revela Dora. “Sentimos que a pessoas tão começando a mudar mesmo os modos de consumir e utilizar produtos cosméticos que tenham preocupação com o meio ambiente”, acrescenta.

Para atender a demanda, Tarsila e Dora procuram marcas que realmente conversam com a identidade e propósito da Guapa. “Todas as marcas que temos hoje na loja são de mulheres que tem uma produção artesanal, que tem todo o cuidado em relação a embalagem, tanto quanto com o produto, ingredientes e preparo”, conta a empresária.

A própria Dora começou a criar produtos sustentáveis para sua marca de acessórios e roupas. “A partir das demandas, comecei a prestar mais atenção e pensei como o meu trabalho de costura poderia ajudar. Foi aí que fiz os filtros de panos, já produzidos em outros estados, discos atoalhados para substituir o algodão, para tirar a maquiagem e limpar a pele”, explica.

Segundo a empresária, a aceitação do público aumentou muito. Pelo menos 50% dos clientes vão a loja em busca de cosméticos. “Agora na pandemia, trabalhando com delivery, vendas pela internet, foram os únicos produtos que conseguimos manter. Isto, porque a dinâmica de gestão é um pouco mais fácil, por serem poucos produtos. Mesmo com todas as dificuldades, os cosméticos e produtos sustentáveis se mantém vendendo”, revela.

------------------------

Mundo Sustentável
Para mostrar como a sustentabilidade é algo próximo e possível, o CORREIO criou o projeto Mundo Sustentável, com conteúdos diversos sobre iniciativas que tornam a vida melhor. Diariamente e até o final do mês de junho, você poderá acompanhar nas redes sociais, no site, jornal impresso e na plataforma bit.ly/mundosustentavelcorreio, as informações sobre como se pode melhorar as ações do dia a dia para que todos possam ter mais qualidade de vida.

O Mundo Sustentável tem o patrocínio do Hapvida, Sotero Ambiental e Bracell, a parceria do Sebrae e o apoio da Claro e Yamana Gold.


O Estúdio Correio produz conteúdo sob medida para marcas, em diferentes plataformas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas