Prouni oferece 16.614 bolsas do ensino superior na Bahia; confira as vagas

educação
30.01.2019, 17:12:00
Atualizado: 30.01.2019, 22:10:54

Prouni oferece 16.614 bolsas do ensino superior na Bahia; confira as vagas

Inscrições começam nesta quinta-feira e serão encerradas no domingo (3)

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Pra quem não conseguiu garantir uma vaga em uma instituição de ensino superior gratuita e também não tem dinheiro para bancar os custos de uma faculdade privada, eis uma oportunidade. O Programa Universidade para Todos (ProUni) abre as inscrições nesta quinta-feira (31) e há 16.614 bolsas disponíveis na Bahia no primeiro semestre. Desse total, 6.887 são integrais e 9.727 parciais. As inscrições acabam às 23h59 de domingo (3), seguindo o horário oficial de Brasília.

Quem quiser, já pode consultar as bolsas disponíveis pelo site do Prouni. Lá, o estudante poderá pesquisar as bolsas ofertadas por curso, instituição ou município.No total, esta edição do ProUni oferta 243.888 bolsas em todo o país, sendo 116.813 integrais e 127.075 parciais, em 1.239 instituições de educação superior no Brasil. Esta é a maior oferta de vagas da história do ProUni, desde sua criação, em 2005.

Podem se inscrever no processo seletivo do ProUni estudantes brasileiros sem diploma de curso superior e que tenham participado do Enem 2018, tendo obtido no mínimo 450 pontos na média das notas do Exame e nota superior a zero na redação. 

Para concorrer às bolsas integrais o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio. Já para as bolsas parciais (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Além disso, os estudantes devem satisfazer a pelo menos uma das seguintes condições para participar do programa: ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou da rede particular, na condição de bolsista integral da própria escola; ser pessoa com deficiência; ou ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica, integrante de quadro de pessoal permanente de instituição pública e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura. Neste último caso, não é necessário comprovar renda.

Vagas em Salvador
Entre os cursos que se destacam em número de vagas, na capital baiana, estão Direito, com 540 vagas, sendo 207 bolsas integrais e mais de 300 parciais, distribuídos em 13 instituições de ensino.

Senão um dos mais concorridos, o curso de Medicina está sendo ofertado no Prouni apenas pela Universidade Salvador (Unifacs), que disponibilizou 19 vagas  sendo todas elas integrais. O curso tem o valor mensal de R$ 8.971 na Unifacs.

Quem quer estudar administração tem a opção de concorrer às 451 vagas ofertadas por 22 faculdades espalhadas por Salvador. Dessas, 240 são bolsas integrais. O curso de Arquitetura e Urbanismo, assim como Medicina, vai promover uma concorrência um pouco maior.

Isso porque são 82 vagas disponíveis em sete faculdades, delas, 36 são bolsas integralmente garantidas pelo programa do governo. A mensalidade variam de R$ 7,88 a R$ 1.833,30, entre as instituições que ofertaram as bolsas.

Para os futuros engenheiros, no entanto, as chances são maiores: são 53 bolsas integrais, de um total de 235 vagas distribuídas em 15 universidades. 

Programa 
O ProUni tem como finalidade a concessão de bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, em instituições de educação superior privadas. Desde que foi criado há mais de uma década, o programa oferece, em contrapartida, isenção de tributos às instituições que aderem ao programa.

O programa conta com um sistema de seleção informatizado e impessoal, que confere transparência e segurança ao processo. Possui também ações conjuntas de incentivo à permanência dos estudantes nas instituições, como a Bolsa Permanência e o Fundo de Financiamento Estudantil (Novo Fies), que possibilita ao bolsista parcial financiar parte da mensalidade não coberta pela bolsa do programa. O ProUni já atendeu mais de 2,47 milhões de estudantes, sendo 69% com bolsas integrais.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas