Rodrigo lamenta falta de sorte no ataque, mas vê melhora do time

e.c. vitória
17.01.2021, 18:53:55
Atualizado: 17.01.2021, 19:57:00
Léo Ceará é um dos atletas que Rodrigo pode perder para duelo com o Guarani (Pietro Carpi / EC Vitória)

Rodrigo lamenta falta de sorte no ataque, mas vê melhora do time

Técnico pode ficar sem seis atletas titulares para enfrentar o Guarani

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O técnico Rodrigo Chagas vive o pior momento da sua ainda iniciante carreira. Neste domingo (17), o Vitória empatou com a Chapecoense em 0x0 no Barradão e terminou a 35ª rodada da Série B na zona de rebaixamento. É o 17º colocado, com 39 pontos.

Mesmo com desfalques importantes, o Leão conseguiu fazer uma boa partida diante da vice-líder do campeonato, que ainda briga pelo título. Sem o goleiro Ronaldo e sem o volante Guilherme Rend, lesionados, o treinador ainda perdeu o atacante Vico, afastado com sintomas gripais.

Em entrevista coletiva após a partida, Rodrigo destacou a evolução da equipe e lamentou que o gol da vitória não tenha saído: "Acho que faltou um pouco mais de competência. Aliada à falta de sorte, também. Está faltando um pouquinho de sorte para nós. Tivemos um volume muito grande nesse jogo, criamos oportunidades, mas infelizmente não conseguimos colocar a bola para dentro", disse.

Não bastasse os desfalques pré-jogo, Rodrigo ainda teve que substituir durante a partida o atacante Léo Ceará e o meia Thiago Lopes por lesão. O volante Matheus Frizzo também deixou o campo reclamando de dores. Todos serão reavaliados e são dúvida para o duelo com o Guarani, na quarta-feira (20), às 16h, em Campinas.

Com tantos problemas, Rodrigo não sabe se poderá repetir a escalação que fez uma boa partida contra a Chape. "Vamos ver como serão esses dois dias (de treino antes do duelo). Quando ficamos sem Vico, tive que adiantar Rafael (Carioca, lateral esquerdo) e colocar Leocovick, que tem uma boa partida. Temos ainda Alisson Farias, que está retornando de lesão e não tem condições de jogar 90 minutos", analisou.

"Realmente, esses dias têm sido muito difíceis para montar a equipe. Mas vamos ver o que vai acontecer de amanhã em diante. Ficar na torcida para que a gente consiga recuperar esses atletas e que possamos ter pelo menos uma base da equipe no jogo contra o Guarani. Pelo menos repetir o meio-campo, onde tivemos uma consistência muito boa com Frizzo, Lucas Cândido e Fernando Neto", completou Rodrigo.

Léo Ceará levou uma joelhada nas costas numa dividida. Chegou a tomar uma injeção nos vestiários e é dúvida. Thiago Lopes sentiu dores na região posterior da coxa direita e deve passar por exames de imagem. Já Frizzo sentiu dores no joelho e está em observação.

O rubro-negro não sabe o que é vencer há seis rodadas. Atrás de Náutico e Figueirense no critério de desempate, o técnico acredita que a fuga do Z4 ainda está nas mãos do Vitória: "Eu acredito muito que a gente só depende da gente. Temos três jogos pela frente. Assim como tivemos esse resultado ruim, de empate, dentro de casa, os nossos adversários também terão resultados negativos".

"Então o que nos resta é fazer a nossa parte, que é buscar a vitória contra o Guarani, agora jogando fora de casa. Tem que colocar isso na cabeça dos atletas. Não podemos desanimar agora, pelo contrário. Precisamos estar firmes e fortes nesse momento difícil para sairmos o quanto antes do Z4 e dessa situação", completou o treinador.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas