Rui Costa anuncia compra de 9,7 milhões de doses da Sputnik V para a Bahia

coronavírus
12.03.2021, 18:11:05
Atualizado: 12.03.2021, 23:00:48
(Divulgação)

Rui Costa anuncia compra de 9,7 milhões de doses da Sputnik V para a Bahia

Governador diz que primeiro lote chega em abril e as vacinas poderão ser aplicadas na população imediatamente

O governador Rui Costa anunciou no começo da noite desta sexta (12), que o Governo da Bahia assinou contrato com o Fundo Soberano Russo para a compra da vacina Sputnik V para o estado. Segundo o governador Rui Costa, foram compradas 9,7 milhões de doses. O governador deu a notícia durante reunião com prefeitos da capital e Região Metropolitana de Salvador e logo em seguida anunciou nas suas redes sociais.

"A fé e a força do povo baiano sempre foram meus guias. Depois de muita luta, fechamos hoje um contrato histórico com o Fundo Soberano Russo para compra de 9,7 milhões de doses da vacina Sputnik V. Vencemos mais uma batalha, mas a guerra contra o coronavírus continua. Venceremos!", postou o governador em sua conta no Twitter para fazer o anúncio.
 

 
De acordo com o Governo do Estado, o primeiro lote chegará em abril e as vacinas poderão ser aplicadas na população imediatamente. Um ato oficial de assinatura do contrato entre o governador e autoridades russas está previsto para a próxima semana.

Após o anúncio, o governador divulgou um vídeo onde fala mais alguns detalhes da negociação. A compra se deu em conjunto com outros do estado do Nordeste. "Conseguimos finalizar a compra de 37 milhões de doses para os estados do Nordeste da vacina Sputnik. Com isso, a Bahia ficará com quase 10 milhões de doses para imunizar cinco milhões de baianos e baianas", disse.

O governador comemorou e disse que espera que logo o povo baiano possa estar livre do coronavírus.

"Valeu a luta, valeu o esforço e o trabalho de meses buscando convencer as autoridades federais  que as autoriades federais que o Brasil precisava ampliar o leque de vacina pra imunizar mais rapidamente o nosso povo e nossa gente, pra que a gente volte a ter esperança, volte a funcionar normalmente o comércio, gerar emprego e renda e possamos vivenciar essa alegria do povo baiano. Logo logo estaremos imunizados e livre dessa doença, com fé em Deus, e vamos continuar trabalhando firme para superar esse momento difícil. Que Deus nos abençõe."

A Sputnik V ainda não tem registro da Anvisa para ser utilizada no Brasil. No entanto, de acordo com a MP da Vacina, sancionada esta semana pelo presidente Jair Bolsonaro, a agência tem o prazo de sete dias para decidir sobre a aprovação temporária de vacinas, mas o prazo pode chegar a 30 dias se não houver relatório técnico de avaliação de agência internacional aceita no Brasil. O prazo é contato a partir do momento em que a empresa solicita a aprovação temporária. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas