Rui reúne conselho político para tentar reduzir tensão na base

satélite
25.06.2018, 16:30:00
Atualizado: 25.06.2018, 17:08:53

Rui reúne conselho político para tentar reduzir tensão na base

por Jairo Costa Júnior, com Luan Santos

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O governador Rui Costa vai reunir o conselho político nesta segunda-feira (25) para tentar conter as insatisfações na base aliada. Um dos temas centrais do encontro será a falta de consenso sobre a formação da chapa proporcional para a disputa pela Assembleia Legislativa e pela Câmara dos Deputados. 

De acordo com líderes ouvidos pela Satélite, o impasse tem elevado a tensão na base. Segundo eles, parte dos presidentes de partido quer a formação de um chapão tanto para a Assembleia quanto para a Câmara com todas as legendas, enquanto outros defendem coligações menores. 

Um exemplo é o deputado estadual Pastor Sargento Isidório, comandante do Avante  no estado. Ele defende que os partidos da base formem um chapão para a corrida pelo  legislativo estadual, mas quer sua sigla sozinha para o Congresso. O PSD, por outro lado, é um dos que defendem o chapão em ambas as disputas. 

Rui já confirmou a presença do presidente da Assembleia  Legislativa, Angelo Coronel (PSD), na chapa majoritária. No último sábado, ele já havia informado à senadora Lídice da Mata (PSB) que ela estaria fora da composição. 

O governador não deverá tratar das duas suplências ao Senado, que são outro objeto de discórdia entre seus aliados durante o encontro. PSB e PCdoB são apontados como favoritos para as vagas,  mas PP, PR e PDT também já manifestaram interesse. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas