Safadão sai em defesa de pastor acusado de passar a mão em menina: 'Injustiça'

em alta
26.07.2021, 15:33:41
Atualizado: 26.07.2021, 17:04:06
(Foto: Reprodução)

Safadão sai em defesa de pastor acusado de passar a mão em menina: 'Injustiça'

Religioso é amigo pessoal e frequenta casa do cantor: 'pessoa de total confiança'. Veja vídeo

O cantor Wesley Safadão foi até suas redes sociais para defender o amigo, o pastor André Vitor, após viralizar um vídeo mostrando o religioso abraçando e, segundo internautas, encostando nos seios de uma menina. A imagem havia sido postada no perfil do próprio Safadão, que apagou após internautas criticarem a situação. O forrozeiro diz que a liderança religiosa está sofrendo uma grande injustiça.

Nas cenas [ver no final do texto], André Vitor aparece atrás da garota que está de biquíni, abraça ela, coloca a mão na altura dos seios e, após ela se desvencilhar dele, puxa a camisa para baixo da cintura.

Safadão criticou os comentários dos seguidores acusando o pastor de assédio e de importunar a criança.

"Não sei o que tá acontecendo. Essa internet está doente. Estava falando aqui com minha assessoria, pediram para que eu me pronunciasse e soltasse uma nota, mas eu não. Eu não vou ficar bem se eu não for leal com a pessoa que mais me ajudou nessa vida", disse o artista.

O cantor disse confiar em André e contou que ele frequenta o círculo de amigos e sua própria casa. "Uma pessoa que só edifica minha vida, minha casa, que me aproxima de Deus. Estou falando do André Vitor. Um irmão, pessoa de total confiança, é uma grande injustiça o que estão fazendo com ele, que estão querendo fazer, mas não vão fazer porque Deus é maior que tudo. Esses juízes da internet condenam a pessoa sem ouvir a versão", defendeu. O pastor já deu sua versão sobre o ocorrido.Veja vídeo mais abaixo.

Segundo o casal Wesley e Thyane, André tem complexo em mostrar o corpo por estar acima do peso e, por isso, estaria puxando a camisa para baixo.

Wesley Safadão compartilhou uma foto do amigo em quatro ocasiões: três delas na praia e uma em que André aparece usando uma camisa social. O pastor faz a mesma pose nas quatro fotos. De acordo com o músico, é em razão do alegado complexo de não querer exibir a barriga.

Outro lado
O pastor André Vitor se posicionou, através de seu próprio perfil no Instagram, e disse estar indignado com as acusações. "Que loucura eu ter que vir aqui fazer um vídeo como esse, mas vamos lá. Hoje eu acordei com uma notícia absurda, revoltante, indigna, que me embrulhou o estômago e fez com que eu quase vomitasse na tela diante das inverdades descabidas que eu li", iniciou o líder religioso.

Segundo ele, pegaram um vídeo fora de contexto, de um momento de confraternização entre famílias e amigos, para fazer as acusações. André Vitor alega que o abraço é comum e que a menina não tentou se desvencilhar, mas estava eufórica com uma brincadeira que estava sendo realizada. Ele também usou a versão de que "trava uma luta contra a balança" ao explicar o motivo de puxar a camisa. Assista ao depoimento na íntegra, do qual também participam os pais da garota afirmando que confiam no pastor.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas