Salvador tem pontos de alagamento em meio a chuva forte

salvador
23.04.2021, 12:26:00
Atualizado: 23.04.2021, 12:46:53
Mesmo embaixo de chuva, população foi se vacinar (Arisson Marinho/CORREIO)

Salvador tem pontos de alagamento em meio a chuva forte

Pituba foi o bairro que mais teve chuva nas últimas 24h, diz Codesal

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Salvador teve vários pontos de alagamento nesta sexta-feira (23) por conta das chuvas fortes na capital baiana. A previsão é de chuva e trovoadas isoladas ao longo do dia. 

Nas últimas 24h, choveu mais nas regiões da Pituba, Caminho das Árvores e do CAB. Já nas últimas 72 horas, diz a Defesa Civil, os bairros com mais chuva foram Castelo Branco e Sete de Abril, seguidos por Alto da Terezinha e São Marcos.

Diretor-geral da Codesal, Sosthenes Macêdo destacou em mensagem que as áreas de maior risco, onde ficam as sirenes de alerta, não registraram muita chuva nesta sexta. "Graças a Deus a chuva não passou por nenhuma das regiões. Se concentrou nas regiões do Parque da Cidade, Pituba, Caminho das Árvores... e avançou para região de Ondina. Continuaremos monitorando".

(Foto: Arisson Marinho/CORREIO)

Até às 11h, a Codesal registrou 54 ocorrências ligadas à chuva - foram 6 deslizamentos de terra, 11 ameaças de desabamento, 8 alagamentos de imóvel, 8 avaliações de imóvel alagado, 3 desabamentos parciais, 2 alagamentos de área, 2 árvores ameaçando cair, uma árvore caída e uma ameaça de desabamento de muro, entre outras. 

Na Pituba, houve registros de alagamentos na Rua Ceará e também na Rua Pará, com carro ficando atolados. A Avenida Paulo VI também teve pontos de alagamento por conta da intensidade da chuva. No Rio Vermelho, casas foram invadidas pela água. Na Cidade Baixa, houve alagamentos na região dos Mares, Baixa do Fiscal e no Largo da Calçada. Em Itapuã, a Avenida Dorival Caymmi também foi tomada pela água. A sede da Associação de Amigos do Autista da Bahia, em Pituaçu, foi outro ponto invadida pela água da chuva. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas