Santuário Santa Dulce dos Pobres faz missa de 7º dia para Paulo Gustavo; assista

bahia
10.05.2021, 08:00:50
Atualizado: 10.05.2021, 08:05:41
(Foto: Reprodução)

Santuário Santa Dulce dos Pobres faz missa de 7º dia para Paulo Gustavo; assista

Transmissão começa às 8h30

O Santuário Santa Dulce dos Pobres realiza nesta segunda-feira (10), às 8h30, uma missa de sétimo dia em memória do ator e humorista Paulo Gustavo, que morreu semana passada, vítima da covid-19, aos 42 anos. Paulo era devoto da santa baiana e benfeitor das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid). 

A cerimônia será presidida pelo reitor do santuário, frei Giovanni Messias. Para manter o distanciamento na pandemia, a capacidade de público no local foi reduzida a 30%. 

A missa será transmitida nas redes sociais das Osid, para quem não puder comparecer presencialmente. Assista abaixo:

Doação e visita

(Foto: Divulgação)

Uma saia preta e uma blusa de onça: Consuelo Vidal, 47 anos, lembra exatamente da roupa que estava usando no dia em que o ator Paulo Gustavo visitou as Obras Sociais Irmã Dulce (Osid), em 29 de junho de 2017. “Foi um dia muito especial”, justifica a coordenadora de compras da instituição. “Segui ele por toda a Osid, a pessoa simples que ele é. Não tenho palavras para explicar”, completa a fã declarada.

O ator, que morreu em decorrência de complicações da covid-19, na terça-feira (4), após passar quase dois meses numa longa batalha contra a doença, financiou há quase quatro anos a construção de uma unidade de oncologia das Osid. Ele doou R$ 600 mil e, no dia em que começou a construção do espaço, fez uma visita.

Ao lado da superintendente das Osid e sobrinha de Santa Dulce, Maria Rita, Consuelo recebeu Paulo Gustavo pelas dependências da instituição que, no total, foi beneficiada com cerca de R$ 1,5 milhão em doação do ator.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas