Secretaria monitora 12 pontos de rodovias e 4 pontes afetadas pela chuva na Bahia

bahia
02.01.2022, 17:00:00
(Divulgação)

Secretaria monitora 12 pontos de rodovias e 4 pontes afetadas pela chuva na Bahia

Ao todo, 60 pontos de estradas estaduais foram danificados no período chuvoso

A situação das rodovias baianas segue sob atenção após as fortes chuvas das últimas semanas no estado. A Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) informou em nota que o monitoramento nas rodovias estaduais da região oeste foi intensificado. Ao todo, 60 pontos de rodovias baianas tiveram problemas por conta do período de chuvas.

Neste fim de semana, o órgão observou a situação de 12 pontos de rodovias, incluindo acesso a cidades e distritos. Em alguns pontos, o tráfego já foi normalizado. Outros ainda dependem da construção de desvios provisórios. 

Seis novas ocorrências foram registradas na região este domingo (2). A Seinfra acompanha agora também a situação nos acessos à Universidade Federal do Oeste da Bahia (Ufob), em Barreiras, a Catolândia, a Baianópolis, a Cotegipe, a Wanderley e na ponte entre Missão do Aricobé e Angical, na BA-465. 

Os pontos de rodovias do oeste monitorados pelo órgão, além dos acessos, são: BA-225, do entroncamento da BR-135, próximo ao distrito de Pipiri, em Formosa do Rio Preto, até Coaceral; dois pontos da BA-465, de Cotegipe até Missão do Aricobé; dois pontos da BA-447, entre Barreiras e Angical; a BA-172, que liga São Félix do Coribe à Jaborandi; e a BA-645, entre Angical e Missão do Aricobé.

A equipe técnica da Seinfra também avalia a situação das pontes na região, incluindo a do KM 1, entre Missão do Aricobé e Angical, na BA-465. Os outros equipamentos observados são: de São Joaquim, no acesso ao distrito de Missão do Aricobé, na BA-465, em Angical; do Alto Araguaia, na BA-449, em Cotegipe; e a ponte sobre o Rio Água Piranga, na BA-449. As quatro pontes sofreram danos por conta das chuvas na região e precisarão passar por reparos emergenciais.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas