Segue o líder: Bahia goleia o Londrina na Fonte Nova e volta ao topo da Série B

e.c. bahia
03.05.2022, 20:54:00
Com início frenético, Bahia conquistou bom resultado sobre o Londrina, na Fonte Nova (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Segue o líder: Bahia goleia o Londrina na Fonte Nova e volta ao topo da Série B

Esquadrão não tomou conhecimento e venceu o time paranaense por 4x0

O Bahia está de volta à liderança da Série B após golear o Londrina por 4x0 na noite desta terça-feira (3), na Fonte Nova. Triunfo tranquilo e construído no início do primeiro tempo, quando Rildo, duas vezes, já garantia 2x0 aos 10 minutos. Daniel fez 3x0 ainda na primeira etapa e, no segundo tempo, Marco Antônio deixou o dele.

A vitória deixa o time com 13 pontos em seis jogos no Brasileirão. O Esquadrão se isolou na liderança, à frente de Grêmio e Cruzeiro, que têm 10 pontos, se enfrentam domingo e um deles pode ultrapassar o tricolor pelo saldo de gols caso vença por goleada 

O próximo compromisso na Série B será contra o Vasco, no dia 15 de maio, em São Januário, no Rio de Janeiro. Antes, o time baiano pega o Azuriz, na próxima terça-feira (10), pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil, em Pato Branco (PR). 

ROLO COMPRESSOR
Em busca de um novo triunfo em casa, Guto Ferreira promoveu duas mudanças. Recuperado de lesão, Rezende entrou na vaga de Emerson Santos. No ataque, Rildo herdou a posição de Raí, que fraturou a mão e vai passar por cirurgia. As duas novidades foram cruciais para abrir a goleada.

Aos 4 minutos, Rezende pressionou a saída adversária, roubou a bola e tocou para Matheus Davó. O atacante acionou Rildo, que estava livre e driblou o goleiro antes de mandar para a rede. O VAR entrou em ação para analisar possível falta ou impedimento, mas o gol foi confirmado.

Rildo estava inspirado. Aos 10, a defesa do Londrina voltou a errar na saída. Ele tabelou com Davó e, da entrada da área, acertou um chute no ângulo, golaço do camisa 37 e Bahia 2x0.

Diante de um Londrina desorganizado, o tricolor aproveitava a posse de bola para trabalhar no meio-campo e usava os pontas como válvulas para chegar ao ataque. Do outro lado, em ocasião rara ao longo da noite, o Londrina teve uma chance perigosa. Foi de falta na entrada da área que João Paulo cobrou rasteiro e Danilo Fernandes defendeu.

Quando a linha de ataque do Bahia voltou a pressionar a defesa do paranaense, as oportunidades claras apareceram. No primeiro lance, Marco Antônio roubou do volante Mandaca e tocou para Davó, que bateu colocado, para fora. Não fez falta. 

Três minutos depois, Daniel chutou de canhota e anotou o terceiro do Bahia na partida, aos 35 minutos. Foi mais um golaço na Fonte Nova e também de fora da área.

O quarto gol poderia ter saído ainda no primeiro tempo. Aos 39 minutos, Matheus Davó saiu livre no contra-ataque, mas antes de chegar na área foi parado com falta pelo lateral Luan. 

VIROU GOLEADA
O Bahia voltou do intervalo com a mesma escalação, mas mudou a postura e passou a esperar um pouco mais no campo de defesa para sair em velocidade no contra-ataque. 

Apesar de rondar a área do Esquadrão, o Londrina pouco assustava o goleiro Danilo Fernandes. Enquanto isso, o Bahia conseguiu colocar a sua estratégia em prática. 

Depois da cobrança de falta na área, os tricolores ligaram um rápido contra-ataque até Daniel rolar para Marco Antônio, que adentrou a área pela direita, chutou forte e fez 4x0, aos 14 minutos. 

O quinto só não saiu três minutos depois porque Davó não aproveitou o novo contra-ataque e perdeu uma chance clara. Com o triunfo garantido, Guto Ferreira aproveitou para rodar o elenco. Emerson Santos, Jacaré e Ronaldo foram para o jogo, depois os garotos Gregory e Marcelo Ryan também.

FICHA TÉCNICA 

Bahia 4x0 Londrina - Brasileirão Série B (6ª rodada)

Bahia: Danilo Fernandes, Douglas Borel, Ignácio, Luiz Otávio e Luiz Henrique; Patrick, Rezende (Emerson Santos) e Daniel (Gregory); Rildo (Ronaldo), Matheus Davó (Marcelo Ryan) e Marco Antônio (Jacaré). Técnico: Guto Ferreira. 

Londrina: Matheus Nogueira, Luan (Denilson), Augusto, Saimon e Felipe Vieira; João Paulo, Mandaca (Jean Henrique), Mirandinha (Alan Ruschel) e Caprini (Eltinho); Douglas Coutinho e Gabriel Santos (Salatiel). Técnico: Adilson Batista.  

Estádio: Fonte Nova
Gols: Rildo, aos 4 e aos 10, Daniel, aos 35 minutos do 1º tempo, Marco Antônio, aos 14 minutos do 2º tempo
Cartão amarelo: Ignácio e Ronaldo (Bahia); Luan e Gabriel Santos (Londrina)
Público: 13.440 pagantes
Renda: R$ 217.230,00
Arbitragem: Felipe Fernandes de Lima, auxiliado por Celso Luiz da Silva e Ricardo Junio de Souza (trio de Minas Gerais)
VAR: Emerson Ferreira (MG)

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas