Toque de recolher impedirá funcionamento de deliveries e supermercados

coronavírus
17.02.2021, 16:14:35
Atualizado: 17.02.2021, 16:23:45
(Pexels)

Toque de recolher impedirá funcionamento de deliveries e supermercados

Medida adotada pelo Governo da Bahia começará a funcionar a partir de sexta-feira (19)

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O governo da Bahia informou que, com o toque de recolher, restaurantes e bares só poderão funcionar até às 22h. A partir desse horário, nem a modalidade delivery estará liberada. Supermercados também não poderão permanecer abertos. 

Postos de gasolinas poderão ficar abertos, mas as lojas de conveniência deverão ser fechadas por causa do toque de recolher. 

Não se aplicam ao toque de recolher as situações de deslocamento para ida a serviços de saúde ou farmácia, para compra de medicamentos, ou situações em que fique comprovada a urgência.

Ficam liberados para circular, nos horários de restrições, servidores, funcionários e colaboradores, no desempenho de suas funções, que atuam nas unidades públicas ou privadas de saúde e segurança. Também ficam permitidos os serviços necessários ao funcionamento das indústrias e Centros de Distribuição, além do deslocamento dos seus funcionários.Quem trabalha de madrugada deverá portar documento que comprove para poder circular na rua.

O toque de recolher será das 22h às 5h do dia seguinte, desta sexta-feira (19) até o dia 25 de fevereiro, podendo ser prorrogado. A medida vale para todo o estado da Bahia, com exceção das regiões Oeste, de Jacobina e de Irecê.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas