Trânsito entre Ondina e Rio Vermelho será interditado até 25 de novembro

salvador
14.11.2019, 08:45:00
Atualizado: 14.11.2019, 11:21:04

Trânsito entre Ondina e Rio Vermelho será interditado até 25 de novembro

Interdição começa nesta quinta-feira (14)

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O trânsito será completamente interditado na Avenida Oceânica, no trecho próximo à Praia da Paciência, na interseção com a Travessa Bartholomeu de Gusmão, onde também não será permitida a circulação de veículos. A interdição começa a partir das 20h desta quinta-feira (14) e acontece por conta da requalificação da orla no trecho entre Ondina e Rio Vermelho,

O veículo que trafegar no sentido Ondina para o Rio Vermelho deverá seguir pela Avenida Adhemar de Barros, acessar a Anitta Garibaldi e chegar na Rua Conselheiro Pedro Luiz, depois de passar pela Lucaia.

Já quem faz o sentido contrário (Rio Vermelho-Ondina) deverá entrar na Rua Eurycles de Matos, por onde chega à Garibaldi e acessa, mais à frente, a Av. Adhemar de Barros. Moradores da região afetada pelos bloqueios e clientes dos estabelecimentos comerciais serão autorizados trafegarem pelas vias interditadas.

A previsão é de que na segunda (18) o tráfego seja liberado na Travessa Bartholomeu de Gusmão para quem segue no sentido Ondina – para o Rio Vermelho permanecerá interditado. Caso não haja intercorrências na continuidade da obra, a estimativa é que o tráfego na via seja completamente liberado no próximo dia 25 de novembro.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas