Três suspeitos são mortos e um PM fica ferido durante troca de tiros em Pirajá

salvador
19.05.2020, 09:49:00
Atualizado: 19.05.2020, 10:22:40
(Foto: Divulgação/SSP)

Três suspeitos são mortos e um PM fica ferido durante troca de tiros em Pirajá

Segundo polícia, traficantes portavam fuzis AR 15 usados em guerras

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Três traficantes foram mortos e um policial militar ficou baleado durante uma troca de tiros na localidade Osório Vilas Boas, no bairro de Pirajá, na segunda-feira (18). De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP), policiais da 9ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/ Pirajá) foram recebidos a tiros ao verificar uma denúncia anônima que revelava a presença de homens armados na localidade. Um policial e um criminoso ficaram feridos e foram socorridos para o Hospital Geral do Subúrbio. Segundo a Polícia Militar, o policial passou por cirurgia e está sob os cuidados médicos. O estado de saúde é estável.  

Ainda segundo a SSP, após o confronto, equipes da Rondesp Baía de Todos os Santos (BTS) e do Grupamento Aéreo (Graer) foram acionados e cercaram o local. De acordo com o comandante da Rondesp BTS, tenente-coronel Elsimar Leão, os criminosos resistiram à abordagem e atiraram  contra os policiais, foram feridos e socorridos para o hospital, mas não resistiram.

A polícia informou que, com os suspeitos foram encontrados dois fuzis AR 115,  dois revólveres calibres 38, vasta munição, drogas e outros itens utilizados no comércio ilegal de entorpecentes. Também foram encontrados dois carregadores para fuzis, 52 munições para a mesma arma, carregador para pistola calibre .40, munições para calibres 9, 40 e .45 milímetros, uma bandoleira para arma longa, colete e placas balísticas.

Foto: Divulgação/SSP

Na mesma região também foram apreendidos um tablete de cocaína, 31 porções da mesma droga prontas para a venda, 900 gramas de maconha em embalagens de tamanho variados, dois sacos de crack, três balanças, um caderno com anotações e controle da venda de drogas, dois celulares, dois relógios e embalagens diversas. Um veículo clonado, modelo HB20, usado pelo grupo criminoso foi recuperado.

O oficial lembrou que o armamento encontrado com os traficantes é utilizado em situações de guerra. "O trio era ligado a investidas contra instituições financeiras na região da Chapada", revelou Leão. O caso foi registrado na Corregedoria da Polícia Militar e o automóvel apreendido levado para a Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas