Veja quem são os homens presos suspeitos de darem cobertura a Lázaro Barbosa

brasil
25.06.2021, 09:31:09
Atualizado: 25.06.2021, 09:44:12
(Sergio Lima/AFP)

Veja quem são os homens presos suspeitos de darem cobertura a Lázaro Barbosa

Os homens foram detidos nessa quinta-feira (24) suspeitos de ajudar o serial killer

A polícia de Goiás identificou Elmi Caetano Evangelista, de 74 anos, e Alain Reis de Santana, 33, como supostos ajudantes de Lázaro Barbosa, de 32 anos, suspeito de uma chacina em Ceilândia, no DF, entre outros crimes. Os dois homens foram detidos nessa quinta-feira (24).

O idoso, que é proprietário de uma chácara na área rural de Girassol (GO), foi interceptado por policiais penais do Distrito Federal, após receberem informação de que o serial killer estaria recebendo ajuda de moradores da região. Alain seria o caseiro dele.

Segundo o Metrópoles, Elmi desobedeceu à ordem de parada dos agentes e tentou fugir em uma Fiat Strada de cor prata. Mesmo com a tentativa de fuga, ele foi interceptado, detido e levado à delegacia. O carro será periciado. O caseiro foi detido na chácara por integrantes da força-tarefa que busca o suspeito, desaparecido há 17 dias.

O secretário de Segurança de Goiás, Rodney Miranda, informou que um deles estaria com uma das armas que Lázaro roubou, com 50 munições, na região de Cocalzinho (GO), uma espingarda calibre 22 mm. O gestor explicou ainda que somente o fato de Lázaro estar recebendo ajuda justificaria a fuga tão prolongada.

“Sabíamos que não era normal ele conseguir fugir por tanto tempo sem ajuda, sem uma rede ajudando ele”, completou. “Quem facilita vida de foragido comete crime. Desconfiamos que tem outras pessoas ajudando e vamos chegar nelas. Vamos chegar a essa rede criminosa que apoia o Lázaro”, garantiu o secretário.

Os envolvidos estão sendo ouvidos e serão autuados por porte ilegal de armas e facilitação de fuga. Dependendo das investigações, poderão ser considerados, ainda, cúmplices ou coautores dos crimes praticados por Lázaro.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas