Vídeo: Olavo de Carvalho chama Bolsonaro de covarde e ameaça derrubar governo

brasil
07.06.2020, 11:03:00

Vídeo: Olavo de Carvalho chama Bolsonaro de covarde e ameaça derrubar governo

Em outra parte da gravação, o professor chamou o empresário Luciano Hang, dono da Havan, de "palhaço"

O escritor Olavo de Carvalho usou suas redes sociais durante a madrugada deste domingo (7) para anunciar seu rompimento com o governo do presidente Jair Bolsonaro.

Apontado como pessoa influente na ala ideológica do governo, Olavo de Carvalho gravou um vídeo onde disse que Bolsonaro nunca foi seu amigo e que o presidente não age contra crimes. Acrescentou ainda que derrubaria o que chamou de "governo de merda” caso Bolsonaro continuasse “inativo” e “covarde”.

“Milícia, gabinete do ódio, existe há muito tempo, foi inventado contra mim. Não contra  o Bolsonaro. E o que ele fez pra me defender? Bosta nenhuma. Chega lá e me dá uma condecoraçãozinha. Enfia a condecoração no cu. Se você não é capaz de me defender contra essa gente toda eu não quero a sua amizade. Porque eu fui seu amigo, mas você nunca foi meu amigo. Você foi tão meu amigo quanto a Peppa. Você só tira proveito e devolve o que?”, disse em trecho do vídeo. 

E continua: 

"Há décadas existe esse gabinete do ódio contra Olavo, porra. Ao invés do presidente dizer que é meu amigo, não é meu amigo não, você simplesmente se aproveitou. Ao invés de me dar uma condecoração, enfia a condecoração no cu. Ta certo? Não quero mais saber. Outra coisa, você não está agindo contra os bandidos, você vê o crime, eles cometem os crimes, você presencia em flagrante e não faz nada contra eles. Isso chama-se prevaricação. Quer levar um processo de prevaricação da minha parte? Esse pessoal não consegue derrubar o seu governo? Eu derrubo. Continue inativo, continue covarde, eu derrubo essa merda desse seu governo”, continuou no vídeo.

Em outra parte da gravação, o professor chamou o empresário Luciano Hang, dono da Havan, de "palhaço". Por fim, disse que Bolsonaro é "aconselhados por generais covardes ou vendidos".

Confira o vídeo na íntegra:

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas