Vírus Carinhoso apresenta EP Capella na Casa Preta

correio afro
09.03.2022, 19:09:00
(Foto: Divulgação)

Vírus Carinhoso apresenta EP Capella na Casa Preta

O show terá participação especial de Celo Dut, que vai apresentar seu EP “Doce”

A Casa Preta recebe no dia 12 de março, a partir das 19h30, performance de Vírus Carinhoso apresentando seu EP “Capella”, lançado no final de 2021, junto com músicas inéditas de seus próximos projetos, composições carregadas de suas vivências e versos contemplativos, com instrumentais de seu parceiro JLZ que traz sonoridades diaspóricas juntamente com o eletrônico, uma junção perfeita para se tornar um pop com pitada do experimental.

CONHEÇA O CORREIO AFRO

No dia também teremos a participação especial de Celo Dut, artista soteropolitano e também do selo 999 - que o Vírus faz parte, e apresenta seu Ep “Doce”, com faixas do seu futuro álbum de estreia. Na discotecagem teremos a DJ DMT trazendo o groove e o grave que bate certo.

A partir de março, a Casa Preta volta às atividades presenciais e abre suas portas  para que artistas possam ocupar o espaço com seus eventos. A casa estava fechada há quase dois anos.

Para além de suas salas de ensaio, estúdio de gravação, o quintal ancestral e o Terraço com vista para a Baía de Todos os Santos, a Casa Preta dispõe de salas para ensaio, espaços para apresentações em teatro, dança, música e realização de lives.

A Casa oferece  serviços de carpintaria, criação e confecção de cenários, aluguel de equipamentos de som e iluminação, serviço de assessoria de comunicação especializada na área cultural, atores e atrizes, autor(a), roteiristas, cantor(a), musicistas, compositores(as), produtores culturais e staff.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas