Vitória para no goleiro e fica no empate com o Freipaulistano

e.c. vitória
16.02.2020, 20:03:00
Atualizado: 16.02.2020, 21:57:28
Léo Ceará ganhou vaga de centroavante, mas não aproveitou (Tiago Caldas / CORREIO)

Vitória para no goleiro e fica no empate com o Freipaulistano

Geninho fez mudanças em toda a equipe para tentar o resultado no Barradão

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Vitória segue invicto em 2020. Mas o empate deste domingo (16), pela 4ª rodada da Copa do Nordeste, pode ser visto como um mau resultado. Ficou no 0x0 com o Freipaulistano, lanterna do Grupo A, em pleno Barradão.

>> Veja todas as notícias do Vitória publicadas no CORREIO
>> Confira os melhores momentos de Vitória 0x0 Freipaulistano
>> Bocão aproveita chance no Vitória e lança dúvida para Geninho

>> Geninho explica trocas no time e lamenta resultado do Vitória

RESUMÃO

Mesmo jogando em casa, o Leão demorou de entrar no duelo. Passou o primeiro tempo inteiro preso na marcação do Freipaulistano e sem criar nada. Só mostrou sua força a partir dos 25 minutos da etapa final, quando Jonathan Bocão e Vico apareceram com qualidade. O Vitória criou e desperdiçou quatro chances e vai para o Carnaval com a impressão de que poderia estar numa posição melhor no Nordestão.

PEGOU TUDO

Quando o Vitória apertou o Freipaulistano no 2º tempo, o goleiro Giovani brilhou. Foram pelo menos cinco defesas de alta dificuldade. Em uma delas, pegou no reflexo uma falta cobrada com força por Thiago Carleto e que foi no seu contrapé. Detalhe: o goleiro era reserva. Danilo, o titular, machucou-se na etapa final.

MUDOU TUDO

Geninho mandou o Leão a campo com quatro alterações em relação à equipe que empatou com o Imperatriz pela Copa do Brasil. Saíram Van, Thiago Carleto, Gerson Magrão e Júnior Viçosa. Entraram Jonathan Bocão, Rafael Carioca, Rodrigo Andrade e Rodrigo Carioca. Com isso, Léo Ceará foi para a posição de centroavate. Segundo o técnico, todas as alterações foram por opção tática, nenhuma por cansaço ou lesão.

PRIMEIRO TEMPO

Um jogo que não engrenou em momento algum nos primeiros 45 minutos. O Vitória ficou preso na marcação do Freipaulistano. Por sua vez, o time de Sergipe não conseguia contra-atacar.

SEGUNDO TEMPO

O Vitória cresceu na etapa final. Aos 25, 26 e 31 quase abriu o placar. No primeiro lance, Bocão chutou forte e Giovani espalmou. No segundo, Bocão cruzou e Léo Ceará chutou por cima. No terceiro, Bocão cruzou, Matheus desviou contra o próprio gol e Giovani salvou no reflexo. Aos 38, Carleto bateu falta com muita força. A bola desviou na barreira e Giovani pegou no contrapé. Aos 51, Bocão cruzou, Léo Ceará chutou de primeira e Giovani pegou.

PRÓXIMOS JOGOS

O time principal do Vitória volta a campo pela Copa do Nordeste na quinta-feira (27), mais uma vez no Barradão. Enfrenta o CRB pela 5ª rodada, às 20h. No domingo (1º) o time de aspirantes tem o clássico Ba-Vi em casa, às 16h, pelo Campeonato Baiano.

FICHA TÉCNICA

Vitória 0x0 Freipaulistano - 4ª rodada da Copa do Nordeste 2020

Vitória: Ronaldo; Jonathan Bocão, João Victor, Maurício Ramos e Rafael Carioca (Thiago Carleto); Guilherme Rend, Fernando Neto (Júnior Viçosa) e Rodrigo Andrade (Matheus Tenório); Vico, Léo Ceará e Rodrigo Carioca. Técnico: Geninho.

Freipaulistano: Danilo (Giovani); Renato (Baby), Lídio, Eron e Matheus; Ramalho, Neto Oliveira e Diogo; Acássio (Kiko Alagoano), Luan e Tiquinho. Técnico: Betinho.

Local: Barradão, em Salvador (BA).
Cartão amarelo: Léo Ceará, Rodrigo Andrade e Thiago Carleto (Vitória); Danilo, Giovani (Freipaulistano)
Arbitragem: Ranilton Oliveira de Sousa, auxiliado por Djavan Costa da Silva e Raelson Almeida (trio do MA).

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas