WhatsApp exigirá que usuário compartilhe dados com Facebook para seguir no app

em alta
07.01.2021, 07:53:34
Atualizado: 29.01.2021, 11:23:46
(Foto: Divulgação)

WhatsApp exigirá que usuário compartilhe dados com Facebook para seguir no app

Mudança já vale para fevereiro

Os usuários de WhatsApp, já em fevereiro, serão obrigados a permitir o compartilhamento de dados e informações com o Facebook para seguirem utilizando o aplicativo. A mudança nos termos do serviço e da política de privacidade está em uma notificação que começou a ser enviada pelo app nesta quarta-feira (6).

O aviso alerta que o compartilhamento do número do telefone de quem usa a plataforma de mensagens, o endereço de IP e as interações com pessoas e empresas, entre outras informações, se tornará obrigatório no próximo dia 8 de fevereiro.

O objetivo é promover uma maior integração do WhatsApp com os demais serviços pertencentes à companhia liderada por Mark Zuckerberg, como o próprio Facebook e o Instagram, processo que já havia sido anunciado. As informações particulares podem ser usadas para que sejam exibidos anúncios personalizados.

A empresa também diz que isso facilitaria a personalização de recursos, sugestões de amigos, conexões de grupo e conteúdos, melhorando a experiência do usuário. Há também a promessa de facilitar o pagamento de compras pelo WhatsApp, com o Facebook Pay.

Mudança de postura
Os novos termos de uso do app de mensagens promovem uma grande reviravolta em relação ao que foi dito quando o Facebook comprou o WhatsApp, em 2014. Na época, a rede social garantiu a total privacidade dos dados, confirmando a opção por não compartilhá-los com outros serviços.

Como lembra o 9to5Mac, uma mensagem no blog oficial do mensageiro, postada logo após a negociação, dizia: “O respeito pela sua privacidade está codificado em nosso DNA e construímos o WhatsApp em torno do objetivo de saber o menos possível sobre você”.

Porém, as mudanças começaram em 2016, quando os dados passaram a ser compartilhados por padrão entre as duas plataformas. Mas diferente da próxima atualização, os usuários tinham a possibilidade de optar por não enviar as informações da conta para a rede social, fazendo a solicitação nas configurações do app.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas