Youtuber sofre queda de 22 metros durante escalada na Bahia

em alta
05.01.2021, 12:51:41
(Foto: Reprodução)

Youtuber sofre queda de 22 metros durante escalada na Bahia

Dono do 'Canal do Otário' diz que sobreviveu por milagre

O youtuber dono do Canal do Otário diz ter sofrido um grave acidente enquanto praticava escalada no interior da Bahia. O influencer, que se mantém no anonimato e não revela sua identidade, diz ter caído de uma altura de 22 metros, o equivalente a um prédio de 7 andares.

Como resultado da queda ele teve fraturas mo tornozelo, joelho, fêmur e cotovelo, além de escoriações nas mãos e rosto. O influencer não detalhou em qual cidade ou região da Bahia ocorreu o acidente.

Como resultado das lesões, ele diz estar tendo dificuldade para utilizar o computador ou o celular, além de sérias dificuldades de locomoção que dificultam até sua ida ao banheiro. Apesar disso, ele comemora o fato de estar vivo.

"Acho que se ocorressem 100 quedas iguais a essa, em 90% o resultado seria a morte, em 5% o resultado seria o estado vegetativo, 4% graves lesões na coluna e o restante ficaria como eu estou agora. Braços e pernas arrebentados mas com possibilidade de recuperação dos movimentos", detalha.

A queda teria ocorrido no dia 19 de dezembro, por volta das 20h. O acidente ocorreu durante uma descida de 180 metros de altura, já na última etapa. Ele fixou incorretamente a corda e ela soltou-se no meio do procedimento.

Ele chegou a bater por duas vezes em pedras e caiu em cima de arbustos. Apesar dos ferimentos, quando ele recuperou a consiência viu que conseguia mexer os dedos dos pés e das mãos, indicando que não havia perda de movimento. 

Ele foi resgatado por colegas que realizavam a atividade com ele e levado para um hospital próximo onde foram realizadas quatro cirurgias, sendo três na perna e uma no cotovelo. 

O dono do Canal do Otário agora diz que está em sua casa recuperando-se do acidente. Por conta disso, seu canal que possui quase 1 milhão de inscritos ficará sem vídeos por um período.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas