Zé Neto sofre acidente e quebra três costelas; cantor está afastado dos shows

entretenimento
03.06.2022, 16:56:00
(reprodução/instagram)

Zé Neto sofre acidente e quebra três costelas; cantor está afastado dos shows

Cantor se acidentou durante um treino de boxe

O cantor Zé Neto, que faz dupla com Cristiano, sofreu um acidente, nesta quinta-feira (2), enquanto treinava boxe e acabou quebrando três costelas.

Segundo informações do colunista Léo Dias, o sertanejo já iniciou o tratamento e ficará em repouso pelos próximos dias, cancelando a agenda de shows para o mês de junho.

“Eu estava treinando boxe e comecei a sentir dores, mas na hora não percebi que era algo ‘maior’ pois estava com o sangue quente, né? Mas fui ao médico e como respondi ao médico que a dor estava suportável, não fizeram raio-X. Mas piorou e resolvi voltar para fazer o exame. E então descobriram essas fraturas. Quebraram três costelas, de um jeito que poderia perfurar o meu pulmão se eu não ficasse quieto”, disse o cantor.

Ele ainda comentou sobre uma aparente "maré de azar" que vem enfrentando nos últimos tempos. “Tem umas coisas que a gente passa na vida que a gente não tem explicação. Deus sabe de tudo e a gente não sabe de nada. Mas está bom, pelo menos foram três costelas e não quatro, né?”, completou o cantor.

O "azar" começou quando Zé Neto usou de um show para criticar Anitta. Em vídeo que circulou nas redes sociais, o cantor ironiza a tatuagem íntima da cantora e ressalta que "não depende" da Lei Rouanet. "O nosso cachê quem paga é o povo", disse.

Veja mais: Justiça acata pedido do MP e manda cancelar Festa da Banana em Teolândia

Com a repercussão do caso, o jornalista Demétrio Vecchioli trouxe à tona o quanto a dupla sertaneja recebe de prefeituras em shows, sem licitação. Na cidade de Sorriso, no Mato Grosso, a dupla recebeu R$ 400 mil. Já em Itabaiana, São Paulo, Zé Neto e Cristiano receberam R$ 250 mil. Somando, o valor totaliza aproximadamente R$ 3 milhões. Após tantas críticas, o próprio Zé Neto pediu desculpas à Anitta. 

A situação cresceu e atingiu ainda outros sertanejos, que começaram a ser investigados sobre valores recebidos em shows em cidades pelo interior do Brasil.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas