Dia das Crianças mais barato: CORREIO lista presentes a partir R$ 6,90

Fomos às ruas e encontramos 15 opções de presentes para os pimpolhos de até R$ 49,90

Publicado em 30 de setembro de 2017 às 05:00

- Atualizado há 10 meses

. Crédito: Foto: Marina Silva/CORREIO

Quem tem crianças em casa, sabe: fazer a felicidade delas não tem preço. Mas, com o Dia das Crianças chegando, essa máxima volta a ser apenas uma figura de linguagem, e é preciso coçar o bolso para fazer a gurizada abrir o sorrisão. Mas, este ano, os pais devem ser mais cautelosos na hora da compra. Pelo menos é o que diz o Sindicato dos Lojistas da Bahia (Sindilojas), que estima uma queda de cerca de 1% nas vendas, comparado ao mesmo período do ano passado, quando o comércio registrou um crescimento de 4%.

E se você faz parte dessa parcela de painhos e mainhas que pretendem apenas comprar uma "lembrançinha", essa reportagem é uma mão na roda. O CORREIO trouxe 15 opções de presentes que variam entre R$ 6,90 e R$ 49,90, todos com o selo do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) para não colocar a segurança da garotada em risco.

E como não está fácil para (quase) ninguém, a melhor opção de compra tem sido o comércio popular. Não só pelos preços que, geralmente, costumam ser mais baratos que em outros lugares, mas pela forma de pagamento também e, claro, a variedade de briquedos. Na unidade da loja Jyraya, na Rua Nova de São Bento, em Nazaré, por exemplo, é possível parcelar as compras a partir de R$ 40 em duas vezes sem juros no cartão. E tem brinquedo a perder de vista - mais de 200 opções. 

E os brinquedos mais baratos devem ser a opção da maioria, de acordo com o presidente do Sindilojas, Pedro Motta."A grande questão é que são produtos supérfulos e, diante desta crise, que assola aos varejistas desde o ano passado, as pessoas não vão deixar a cautela de lado para comprar brinquedos caros. Eles vão agradar, sim, as crianças, mas com muita cautela", afirma o presidente do Sindilojas.Economia Se agradar uma já é difícil, imagina cinco! Só a aposentada Ruth Santana, 67 anos, mesmo para dar conta de economizar e ainda por cima deixar os cinco bisnetos com o sorriso de orelha a orelha. Ela, que não é boba nem nada, deixa a criançada em casa e prefere ir sozinha às compras - uma forma de não se render as chantagens dos pequenos. Ruth Santana, 67, não levou nenhum dos seis bisnetos para economizar e evitar 'aperto de mente' (Foto: Marina Silva/CORREIO) Na manhã desta sexta-feira (29), ela esteve loja Jade Variedades, localizada na Rua do Paraíso, no Nazaré, para encher a sacola de compras. Veio da cidade de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador, só para isso."Tem que ser de acordo com as condições da bisa, né? E como bisavó é terceiro plano, não precisa gastar muito. Os avós e os pais podem fazer isso", brinca a aposentada.Ela pretendia gastar R$ 80 na compra dos presentes para quatro dos bisnetos. O presente de um, em especial, já havia sido comprado e, nesse caso, ela não economizou na hora da escolha. "É que esse (bisneto) é filho do meu primeiro neto. Gosto mais dele, mas os outros não precisam saber disso", confessa dona Ruth, aos risos.

Na Jade Variedades, as prateleiras estão cheias e tem para todo o gosto e bolso também. Por lá, os produtos que mais têm saído são os bambolês e as bolas de plástico. Eles são vendidos em quantidade. Doze bambolês saem por R$ 20,99. Já seis bolas saem por R$ 10,90.

Caridade Os produtos são procurados não só pelos pais, mas por pessoas que, nesta época do ano, compram para fazer doações.

A amiga da dona de casa Isabel Cristina, 48, todos os anos, em sua festa de aniversário, pede para que seus convidados levem brinquedos para que ela possa doar para crianças carentes no dia 12 de outubro."Estou pensando em levar dois. Um para uma menina e outro para um menino. Todo mundo já foi criança e sabe que nessa data a gente sempre quer receber um agrado", explica Isabel, que pretendia gastar até R$ 50.  Isabel Cristina vai presentear duas crianças que não conhece (Foto: Marina Silva/CORREIO) Uma opção para os meninos que cabe no orçamento da dona de casa e que pode ser encontrado na Jade Variedades é uma caminhonete Monster que custa R$ 17,99. Tem ainda um caminhão caçamba vendido por R$ 22,90. Foi esse último item que o agente de saúde Genário dos Santos, 58, levou para os dois netos. "A gente também presenteia durante todo ano, porque neto é filho duas vezes", brinca o avô.

Para as meninas, têm as bonecas mais simples - aquelas que não falam -, vendidas a partir de R$ 6,90. Para as mais exigentes, tem um jogo de cozinha infantil master fogão vendido por R$ 122,90, mas essa opção é só para quem não está precisando economizar. E se o valor dos mimos passar da conta, a loja parcela no cartão em três vezes sem juros, a partir de R$ 100. 

[[publicidade]]

Movimento E só parcelando mesmo, porque as vendas andam fracas e tem muita gente reclamando dos preços. O proprietário da Jade, o empresário Sandoval Ferreira, 52, diz que a expectativa é que as vendas possam crescer na próxima semana. E ele já prevê que este ano os pais vão mesmo poupar. "As pessoas vão visitar 20 lojas comparando os preços, e se tiver uma que venda o produto com um real de diferença, ele vai fechar negócio", analisa.

No Jyraya tem até uma solução para fechar negócio com aquelas mães que se assustam com o valor do brinquedo do momento. A Baby Alive, a boneca que enche os olhos de muitas meninas que entram na loja, de acordo com a empresária Sueli Sodré, dona da loja, pode custar até R$ 600, dependendo da função que ela exerce - come, faz cocô e dorme.  Baby Alive, a boneca sensação do momento, pode custar até R$ 600, mas há opções bem mais em conta (Foto: Divulgação) Mas, para não sair de mãos abanando, a solução é oferecer uma boneca similiar à desejada. A boneca My Little tem todas essas funções e sai bem mais em conta, apenas R$ 49,90.

Os jogos educativos também podem ser uma boa opção: os preços variam entre R$ 10 a R$ 20.

E também tem promoção por lá. Um carro com pedal para crianças de até cinco anos está sendo vendido por R$ 50. Antes, o mesmo produto poderia ser encontrado por R$ 189,50. "É o último! Tem que aproveitar porque é queima de estoque", anuncia uma vendedora aos clientes.

Confira a lista de sugestões:Carro caçamba R$ 22,90 na Jade Variedades, Rua do Paraíso, bairro de Nazaré

Quebra-cabeça metalizado  R$ 37,90 - Jyraya, unidade Av. Joana Angélica 

Jogo Brincar de Números  R$ 15,50  - Jyraya, unidade Av. Joana Angélica 

Mini Fusca  R$ 5,99 - Jyraya, unidade R. Nova de São Bento

Boneca Simples Vitória  R$ 6,90 - Canguru Presentes, Rua Nova de São Bento

Carro de Pedal Feminino  R$ 50 - Jyraya, R. Nova S. Bento

Jogo Brincando de Engenheiro  R$ 15,55 - Jyraya, unidade Av. Joana Angélica 

Boneco Super Heróis  R$ 5,99 - Jade Variedades

Jogos com letras  R$ 28,80 - Jyraya, Av. Joana Angélica 

Bonecos super heróis  R$ 19,60 - Jyraya, unidade Av. Joana Angélica 

Carro Tropper  R$ 13 - Água Bela, Rua do Paraíso

Kit Guerreiro  R$ 46,90 - Jyraya, Av. Joana Angélica

Dominó em plástico  R$ 18,60 - Jyraya, R. Nova São Bento

Boneco Blublu R$ 19,90 -   Água Bela, Rua do Paraíso

Boneca My Little (semelhante à Baby Alive)  R$ 49,90 - Jyraya, Av. Joana Angélica