Dois PMs são assaltados dentro de posto de saúde no Engenho Velho de Brotas

O carro usado pelos assaltantes foi abandonado na Avenida Vasco da Gama

Publicado em 23 de outubro de 2015 às 12:02

- Atualizado há 10 meses

Dois policiais militares foram assaltados na manhã desta sexta-feira (23) dentro da Unidade de Saúde da Família Santa Luzia, localizada na Rua Almirante Alves Câmara, no Engenho Velho de Brotas. O crime aconteceu por volta das 9h30, quando o posto de saúde recebia pacientes para atendimento. O posto foi fechado após o roubo.

Segundo informações da polícia, três homens armados, ainda não identificados, chegaram ao local em um Honda Civic preto e renderam os policiais. Os suspeitos roubaram as armas dos militares e fugiram em direção à Avenida Vasco da Gama. O carro usado pelos assaltantes foi abandonado na avenida e encaminhado para a Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos.

Em nota, a PM informou que os policiais assaltados trabalham "à disposição da prefeitura" e que "guarnições da 26ª CIPM, Companhia Independente de Policiamento Tático/Rondesp Atlântico, Operação Apolo e da Operação Gêmeos realizam diligência neste momento com o objetivo de localizar os indivíduos". Questionada sobre o motivo pelo qual realiza a segurança do posto médico, a PM informou que o serviço "é solicitado pela prefeitura” e que “a PM é quem disponibiliza o efetivo, mas quem emprega os policiais é a própria prefeitura”. 

Segundo testemunhas que moram próximo ao posto médico, a ação só foi percebida no momento da fuga dos assaltantes. "Só caiu a ficha que era um assalto quando vi o carro sair em alta velocidade, cantando pneu. Tudo aconteceu dentro do posto. Depois disso o pessoal saiu assustado. Teve gente que precisou de atendimento médico por conta do susto. Não teve gritaria, foi tudo muito rápido", relatou uma vizinha da unidade de saúde, sob anonimato. “Há mais ou menos quatro meses, a enfermeira que trabalha nesse mesmo posto estava estacionando o carro para ir trabalhar quando levaram o carro dela”, contou outra moradora, também sob anonimato.

Ninguém ficou ferido durante a ação dos assaltantes na unidade, que permaneceu fechada durante todo o dia de hoje. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), o posto médico voltará a funcionar normalmente na próxima segunda-feira (26), das 8h às 16h30. A SMS não forneceu mais detalhes sobre o caso ou sobre o serviço prestado pelos PMs.

Após o assalto, testemunhas foram até a 6ª Delegacia (Brotas), onde o caso será investigado, para prestar depoimento. O CORREIO entrou em contato com a delegada Maria Dail, mas não obteve retorno.