Folião é esfaqueado no peito durante briga próximo ao Farol da Barra

Misael Barreto está internado na UTI do Hospital Geral do Estado, em estado grave

Publicado em 9 de fevereiro de 2016 às 18:43

- Atualizado há 10 meses

Um folião está internado no Hospital Geral do Estado (HGE), em estado grave, depois de ser esfaqueado durante o carnaval na Barra. O crime aconteceu próximo ao Farol da Barra, por volta das 23h desta segunda-feira (8). 

Misael da Silva Barreto, 21 anos, estava com a namorada e alguns amigos quando houve uma confusão. Durante a briga, ele foi esfaqueado do lado esquerdo do tórax. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) socorreu a vítima até o HGE.Segundo a assessoria da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), o estado de Misael é grave. Ele passou por cirurgia e está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O caso foi registrado no posto da Polícia Civil do hospital como tentativa de homicídio e a autoria e motivação do crime ainda estão sendo investigadas. Ninguém foi preso.

Homem e mulher são esfaqueados no Campo GrandeOutras duas pessoas também foram esfaqueadas nesta segunda-feira, no circuito do carnaval. Por volta de 1h30, Jéssica de Almeida Santana, 19 anos, foi esfaqueada na mão esquerda durante uma confusão no Campo Grande. O autor da facada não foi identificado.Cerca de 1h30 depois, uma outra confusão no Campo Grande deixou mais um esfaqueado. Reginaldo Cruz de Oliveira, 36 anos, foi atingido por um golpe de faca de serra e socorrido para o HGE. O local em que foi atingido e o estado de saúde dele não foram divulgados. Ninguém foi preso.Polícia Militar apreendeu mais de 300 armas brancas nos circuitos oficiais do carnaval de Salvador (Foto: Divulgação)No sábado (6), outros dois foliões foram esfaqueados nos circuitos de Carnaval. Rafael Gomes dos Santos, 18 anos, foi esfaqueado no braço esquerdo, costas, cabeça e ombro direito, em Ondina. Enquanto Tiago Pereira Santos, 24 anos, foi atingido no abdômen ao tentar separar uma briga na avenida Carlos Gomes, no Campo Grande.

Material apreendidoApesar dos casos registrados de agressão com faca no carnaval, mais de 300 armas brancas foram apreendidas durante o trabalho de abordagem nos portais de acesso e no interior dos circuitos do Carnaval desde quinta-feira (4). Segundo o Comando Geral da Polícia Militar, 314 objetos, principalmente facas, foram retidos.No período das 6h de segunda-feira (8) às 5h59 de hoje, foi registrada redução de 20% e 23%, respectivamente, nos índices de roubo e furto, em comparação com os dados referentes ao mesmo período na segunda-feira do Carnaval de 2015.