Três mulheres são baleadas em condomínio no bairro de Tancredo Neves

Duas das vítimas estavam com amigos quando foram feridas. A terceira, uma jovem de 25 anos, foi baleada na entrada do local

Publicado em 12 de outubro de 2015 às 14:49

- Atualizado há 10 meses

Três mulheres foram baleadas no conjunto Arvoredo, no bairro de Tancredo Neves, em Salvador, na madrugada desta segunda-feira (12). Lucimeire da Silva Pinheiro, 40 anos, e Magna Dantas Rodrigues, 34, estavam com amigos em um quiosque no condomínio quando um homem passou em uma moto Honda Fan preta, atirando diversas vezes.

O crime aconteceu por volta das 2h30. Lucimeire foi atingida na perna e no pé direito, enquanto Magna foi atingida na perna direita. Elas foram socorridas por amigos para o Hospital Roberto Santos. Menos de 30 minutos depois, a jovem Naiane Souza da Costa, 25 anos, foi baleada nas costas, tórax e coxa direita por dois homens em uma motocicleta.

Ela estava na entrada do conjunto Arvoredo quando foi atingida pelos disparos. Ela também foi socorrida para o Hospital Roberto Santos, acompanhada pela mãe. Ela passou por uma cirurgia nesta manhã e não teve estado de saúde divulgado.

Uma das baleadas, Magna, teve alta hoje. Ela conversou com o CORREIO e disse que toda situação foi rápida. "Eu estava no local (o quiosque), só que tinha acabado de chegar e não vi nada", afirmou. "O cara chegou lá atirando".

A 11ª Delegacia investiga os crimes. O motivo e a autoria dos atentados ainda não foram determinados pela polícia.