LUTO

Morre Ted Toleman, primeiro chefe de Ayrton Senna na Fórmula 1

O ex-dirigente vivia em uma casa de repouso nas Filipinas

  • Foto do(a) author(a) Estadão
  • Estadão

Publicado em 11 de abril de 2024 às 11:41

Ted Toleman
Ted Toleman Crédito: Reprodução/Twitter

Ted Toleman, fundador da equipe Toleman na Fórmula 1, morreu nesta quinta-feira, vítima de um ataque cardíaco, aos 86 anos. O ex-dirigente vivia em uma casa de repouso nas Filipinas.

Foi pela escuderia que Ayrton Senna fez a sua estreia na Fórmula 1. Em 14 GPs, o brasileiro obteve três pódios e ali começou a impressionar torcedores e imprensa especializada pela sua perícia nas pistas.

A notícia da morte de Ted Toleman chocou o mundo da Fórmula 1. Stefano Domenicali, presidente e CEO da F-1, externou seus sentimentos pela partida do ex-dirigente.

"Estou triste em saber que Ted Toleman faleceu. Ele deu muito à Fórmula 1 e suas conquistas e seu legado sempre farão parte da nossa história. Nossos pensamentos estão com sua família e amigos neste momento", afirmou.

Após o sucesso nas categorias juniores, Toleman e sua equipe chegaram à F-1 no início dos anos 1980, pouco antes da parceria com Ayrton Senna. A primeira corrida do brasileiro pela equipe foi justamente no Brasil, no autódromo de Jacarepaguá, em 1984.

O grande momento de Senna, no entanto, foi o segundo lugar no Grande Prêmio de Mônaco. Nesta temporada, a Toleman ainda conseguiu mais dois pódios: Portugal e Grã-Bretanha. Ao final daquele ano, piloto e equipe terminaram a temporada na sétima colocação do Mundial.

Após cinco temporadas na Fórmula 1, e 26 pontos conquistados, a Toleman foi vendida para a Benetton, em 1986. Entre os pilotos que passaram pela equipe estão Brian Henton, Derek Warwik, Bruno Giacomelli, Johnny Cecoto, Stefan Johansson, Pierluigi Martini e Piercarlo Ghinzani.

Depois de deixar a Fórmula 1, Ted Toleman chegou a ter outras atividades como o cultivo de bananas na África do Sul, antes de se mudar para uma casa de repouso nas Filipinas.