'A gente não pensa em cair para a Série C', avisa Lucas Arcanjo

e.c. vitória
08.11.2021, 16:02:00
Lucas Arcanjo concedeu entrevista coletiva às vésperas do jogo contra o Vasco (Divulgação ECVitória)

'A gente não pensa em cair para a Série C', avisa Lucas Arcanjo

Vitória se prepara para enfrentar o Vasco; Eduardo retorna, mas Hitalo é dúvida

Visando o duelo com o Vasco, o técnico Wagner Lopes comandou um treino tático na manhã dessa segunda-feira (8), o penúltimo do elenco do Vitória antes do jogo válido pela 35ª rodada da Série B do Brasileiro. A bola rola no estádio São Januário, no Rio de Janeiro, na quarta-feira (10), às 21h30.

Em situação bastante delicada na tabela de classificação, só a vitória interessa ao Leão. Com 34 pontos, o rubro-negro amarga a vice-lanterna do campeonato. De acordo com o departamento de matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), o risco de rebaixamento atual é de 97.7%.

Apesar dos números, o goleiro Lucas Arcanjo, destaque do Vitória no campeonato, se mantém esperançoso. "A gente não pensa em cair para Série C. A gente tem que tirar o Vitória dessa situação, está bem focado. Não passa nem pela nossa cabeça essa questão de queda. Temos que permanecer e vamos permanecer na Série B", avisou.

Para a partida contra o Vasco, o Vitória terá o reforço do meia Eduardo, que volta a ficar à disposição após cumprir suspensão. No empate em 1x1 com o Avaí, na Ressacada, ele foi substituído por Fernando Neto. A tendência é que Eduardo entre no time no lugar de Bruno Oliveira, que levou o terceiro cartão amarelo e está fora.

Autor do gol contra a equipe catarinense, o atacante Hitalo torceu o joelho no coletivo realizado no domingo (7), na Toca do Leão, e é dúvida. Ele amanheceu melhor nesta segunda-feira, mas não treinou e fará exame de imagem para ser reavaliado pelos médicos. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas