Acampamentos usados para esconder armas e explosivos são desmontados em Maragogipe

bahia
01.07.2020, 17:28:00
Atualizado: 01.07.2020, 17:54:34
Os acampamentos eram usados por uma facção criminosa (Foto: SSP/Divulgação)

Acampamentos usados para esconder armas e explosivos são desmontados em Maragogipe

Quatro acampamentos estavam montados região de São Roque do Paraguaçu

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Uma operação das polícias Militar e Civil, nesta quarta-feira (1°), destruiu acampamentos de uma facção criminosa envolvida com tráfico de drogas, roubos a bancos e homicídios. No local, situado na região do São Roque do Paraguaçu, no distrito do município de Maragogipe, foram encontrados explosivos, armas, munições e colete balístico.

Quatro acampamentos estavam montados na área, que possui mata fechada e é apontada como lugar de rota de fuga e esconderijo da quadrilha. Durante a operação, um grupo suspeito foi cercado e houve troca de tiros. Feridos, três foram socorridos, mas não resistiram aos ferimentos. Os outros comparsas conseguiram escapar.

Três pistolas calibre 380, dois explosivos, carregadores, munições, roupas camufladas, um colete balístico e um celular foram apreendidos nos quatro acampamentos. As estruturas usadas pela facção foram destruídas.

A operação envolveu cerca de 90 policiais da PM (COPPM, CPE, Bope, Cipe Litoral Norte, Batalhão de Choque, Graer, 27ª CIPM e 20ª CIPM) e da PC (COE, DT/Saubara e DT/Maragogipe).

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas