Agrovale doará solução de álcool 70% para produzir álcool em gel

bahia
20.03.2020, 23:36:05
(Divulgação)

Agrovale doará solução de álcool 70% para produzir álcool em gel

Empresa do Vale do São Francisco encaminhará substância para a produção de álcool gel para hospitais públicos

Referência em agricultura irrigada e produtividade de cana por hectare no estado, a Agrovale, empresa localizada em Juazeiro, no norte da Bahia, doará para o sistema público de saúde da Bahia e de Pernambuco solução de álcool 70% para que seja produzido álcool em gel. A ideia é fortalecer as ações de combate à COVID-19.

O anúncio foi feito na quinta-feira (19) pela empresa, que no momento aguardado decisões em nível federal para a permissão de produção da solução de álcool 70%. A aprovação envolve órgãos públicos, entre eles os ministérios da Saúde, Agricultura e de Minas e Energia, além da Anvisa e secretarias de Saúde do Estado da Bahia e Pernambuco.

A doação visa contemplar os municípios de Juazeiro e Petrolina (PE), no Vale do São Francisco, região de atuação da empresa, que tem capacidade instalada de produção fabril de 180 mil toneladas de açúcar e 115 milhões de litros de etanol.

A empresa informou que suspendeu a comercialização do estoque de álcool como medida preventiva para atender a demanda e está acompanhando juntamente com as autoridades estaduais, a permissão para a produção de álcool nas especificações exigidas.

Ainda não há perspectivas sobre a quantidade a ser produzida de álcool em gel, o que vai depender da resposta das autoridades de saúde da Bahia e Pernambuco.

“Estamos fazendo nossa parte para que essa doença seja logo controlada no nosso país, é uma responsabilidade social que todos devem ter nesse momento”, disse Guilherme Colaço Dias Filho, um dos diretores da empresa.

Em Juazeiro, a Agrovale gera, em média, durante o período da safra (maio a novembro), 4 mil empregos na lavoura e 300 na indústria. Durante a entressafra, essa quantidade reduz para 2 mil empregos na lavoura, mantendo-se os 300 na área industrial.

Como medidas para reduzir aglomeração na área industrial, a Agrovale informou que estendeu o horário de almoço (entre 10h30 e 15h) e organizou as mesas de modo a ficar afastadas. Funcionários com mais de 60 anos ou com que estejam enquadrados no grupo de risco por outro motivo trabalham em casa.

As cidades de Juazeiro e Petrolina não têm registros de casos confirmados para COVID-19. Consultada sobre o abastecimento de álcool em gel, a prefeitura de Juazeiro informou que “as unidades de saúde estão minimamente abastecidas com álcool líquido, uma vez que não se encontra mais álcool gel nos fornecedores”.

Segundo a prefeitura, “as solicitações juntos aos mesmos são diárias e assim que sejam sinalizados  as disponibilidades dos itens o município fará aquisição”. A Prefeitura de Petrolina não respondeu ao CORREIO.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas