Anderson será titular do Bahia na Sul-Americana; veja escalações

e.c. bahia
12.02.2020, 20:31:00
Atualizado: 12.02.2020, 20:45:32
Contra o Nacional, Anderson completa 50 jogos como titular do Bahia (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Anderson será titular do Bahia na Sul-Americana; veja escalações

Tricolor enfrenta o Nacional-PAR às 21h30, na Fonte Nova

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Após a sequência de falhas nas derrotas contra River e Vitória, o goleiro Douglas vai para o banco de reservas na estreia do Bahia pela Copa Sul-Americana. Anderson será o titular. O tricolor recebe o Nacional do Paraguai nesta quarta-feira (12), às 21h30, na Fonte Nova. 

Além de Douglas, outro que perde a posição é o meia Daniel, que foi titular em todos os jogos do Bahia (com time principal) nesta temporada. Rossi fica com a vaga e, com isso, Roger Machado manda a campo um Bahia escalado no esquema que pode variar entre o 4-2-3-1 e o 4-2-4 a depender da forma como Clayson atue na partida. O atacante pode jogar tanto pelas pontas, como tem feito até então, como pelo meio-campo, onde chegou a jogar em uma parte do jogo contra o Imperatriz, na segunda rodada da Copa do Nordeste.

>> BATE-PRONTO PODCAST: A ESTREIA DO BAHIA NA SUL-AMERICANA <<

O Bahia está escalado com Anderson, João Pedro, Juninho, Lucas Fonseca e Juninho Capixaba; Flávio e Gregore; Rossi, Clayson, Élber e Gilberto.

Será o 53º jogo de Anderson com a camisa tricolor. O goleiro de 36 anos vai para o jogo de número 50 como titular. Em 2020, ele entrou de primeira contra o Imperatriz em jogo que o Bahia venceu por 2x0 em Pituaçu. Na ocasião, substituiu Douglas porque o camisa 1 havia recebido cartão vermelho contra o Santa Cruz. Anderson está no tricolor desde 2016, quando chegou para a disputa da Série B daquele ano.

Com ele em campo, o Bahia venceu 24 partidas, empatou 16 e perdeu 12. O camisa 33 levou 38 gols defendendo a meta do Esquadrão, uma média de aproximadamente 0,7 gols sofridos por jogo.

O Nacional do técnico Roberto Torres também está confirmado e vai jogar com  Juan Espínola, Juan Franco, Garay, Luís Cabral e Farid Díaz; Riveros, Zaracho, Alexis González e Danilo Santacruz; Franco Costa e Beltrán.

ONDE ASSISTIR

Os jogos dos times brasileiros na Copa Sul-Americana têm transmissão exclusiva do DAZN. O serviço por assinatura oferece o primeiro mês gratuito como teste para o usuário. Clique aqui para saber como assistir.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas