'Apesar de desesperador, esse foi um período rico', diz empresário de Feira

empregos
14.10.2020, 21:40:00
Atualizado: 14.10.2020, 22:07:46
(Reprodução/Instagram)

'Apesar de desesperador, esse foi um período rico', diz empresário de Feira

Alécio Mascarenhas, da Yes Pilates, conta como está conseguindo driblar os efeitos da quarentena

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

No final de 2020, não haverá evasão, queda no faturamento, nem nenhuma das situações típicas vivenciadas nos estúdios de pilates ou academias de ginástica sempre que chegam as férias e as festas de final de ano. Pelo menos é o que espera o empreendedor e administrador de empresas Alécio Mascarenhas, proprietário da Yes Pilates, em Feira de Santana. A expectativa não é fruto de um otimismo excessivo, mas dos investimentos realizados durante os cinco meses que o empreendimento fechou suas portas e de todo um trabalho de gestão pensado para criar diferenciais para a clientela do espaço, que ainda conta com serviços de nutrição e estética.

“Nossa proposta é convidar as pessoas para viverem um Verão diferente e para isso, vamos oferecer tratamentos especiais, desde aqueles mais convencionais até outros mais rápidos”, completa, ressaltando que o investimento dele e dos outros parceiros que atuam na galeria no bairro SIM, em Feira, é proporcionar a melhor experiência para os públicos das mais variadas idades, de crianças até os mais maduros.

Com flexibilidade e estratégias certas, o empresário conseguiu recompor um pouco das perdas do início do ano
Com flexibilidade e estratégias certas, o empresário conseguiu recompor um pouco das perdas do início do ano (Divulgação)

Para o verão 2021, o empresário quer ampliar as parcerias da Yes com outros tantos empresários, possibilitando que os clientes possam usufruir de descontos em outros espaços associados, além de inúmeras outras ações para que o Verão de cuidados pessoais seja único e inesquecível. 

Alécio Mascarenhas foi o convidado de Flávia Paixão na live Empregos e Soluções dessa quarta-feira (14), no perfil do Instagram do CORREIO. Na oportunidade, o empresário fez questão de dividir com o público as experiências adquiridas nesse pouco mais de um ano de espaço e os aprendizados que vieram com a pandemia, quando amargou o encerramento das atividades por cinco meses.

“Apesar de desesperador, esse foi um período rico para aprender mais, fortalecer parcerias e investir no espaço para nos prepararmos para essa retomada quando conseguimos, em alguns horários, nos equiparar ao período anterior à pandemia”, comemora.

Alécio Mascarenhas dividiu as dificuldades e os acertos realizados junto ao estúdio Yes, ressaltando a importância de confiar nos profissionais de áreas afins ao negócio
(Foto: Reprodução)

Diferenciais
No entanto, nem tudo foi tão tranquilo assim na vida do administrador. Ele conta que, no início, tomado de paixão pela possibilidade de abrir o espaço num dos bairros com uma das maiores densidades populacionais de Feira de Santana e apostando no envelhecimento social, esqueceu de olhar o entorno, as mudanças viárias e o público alvo.

“No início, achava que pilates era para um público mais velho. Ano passado, nosso público de crianças era maior e depois tivemos um crescimento significativo no público adulto, com faixa etária entre 30 e 50 anos, que via no pilates a oportunidade de cuidar da saúde”, conta, destacando que nunca teve uma grande aderência com os mais maduros. 

Apesar de ter realizado mudanças no projeto inicial, a capacidade adaptação e o olhar atento para as necessidades dos clientes fizeram a Yes corrigir o percurso e se estabilizar no mercado. “Qualquer negócio é um organismo vivo, ele nunca está pronto ou concluído, então é preciso ter flexibilidade para possibilitar essas remodelagens”, esclareceu o convidado.

A capacidade de ouvir o público alvo também ajudou o empresário a criar diferenciais no negócio. “Percebia que a maioria dos estúdios de pilates possuíam um visual e uma perspectiva muito feminina, então fui buscar os profissionais da comunicação e da arquitetura para trabalhar um espaço neutro, que não intimidasse o público masculino”, diz o empresário, que hoje comemora a marca de 32% de público masculino, além de muitos casais. 

Na oportunidade, Flávia Paixão chamou atenção para o fato de que muitos empreendedores apenas copiam o que outros negócios no mesmo ramo fazem, sem a preocupação de criar diferenciais que ajudem o negócio.

“Também é importante lembrar que os negócios precisam levar o cliente em consideração, do contrário, se perde o suporte desse elemento fundamental para o sucesso”, completou a consultora. 

Vale salientar que a live Empregos e Soluções tem o objetivo de ajudar os empreendedores a encontrarem saídas para os seu negócios e é realizada todas as quartas-feiras, sempre às 18h, no perfil do Jornal Correio no Instagram. Se você perdeu a live dessa semana, não se preocupe. Os encontros ficam gravados! Assista abaixo.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas