Árvore de Natal de garrafa pet com 21 metros é novidade em Salvador

salvador
19.11.2019, 21:39:00
Atualizado: 20.11.2019, 09:20:30
Nova Árvore de Natal de garrafa pet iluminada (Foto: Betto Jr/ CORREIO)

Árvore de Natal de garrafa pet com 21 metros é novidade em Salvador

Decoração foi erguida na Praça Municipal e se destaca entre os prédios

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Primeiro, eles arrecadaram 22 mil garrafas pet. Usaram uma série de lacres para prender um recipiente ao outro e, com tesouras e tintas, construíram as bolas coloridas. Depois, transportaram as partes e, na noite desta terça-feira (19), inauguraram a primeira Árvore de Natal inteiramente reciclável de Salvador, com 21 metros de altura.

O monumento foi construído por servidores da Empresa de Limpeza Urbana do Salvador (Limpurb) e por integrantes de cooperativas de reciclagem e fica na Praça Municipal, no Centro Histórico. O artista plástico Gilson Cardoso, responsável pela obra, contou que os trabalhos começaram em agosto e envolveram cerca de 20 pessoas.

“Sempre gostei de trabalhar com reciclagem e desde criança gostava de fazer trabalhos sobre meio ambiente. Essa não é primeira árvore de garrafa pet que eu faço, mas é a maior. Eu já tinha feito uma de 6 metros de altura e outra de 10 metros, mas 21 metros foi a primeira vez. Foi um desafio, mas eu adoro desafios”, afirmou o artista.

Monumento fica na Praça Municipal (Foto: Betto Jr/ CORREIO)

Ele contou que essa foi a 15ª árvore sustentável que construiu e que passou as últimas semanas dormindo, acordando e até sonhando com garrafas pet. O monumento foi entregue nesta terça-feira e foi o prefeito ACM Neto quem acendeu a iluminação especial. Ele destacou o caráter de conscientização do projeto.

“Mais uma iniciativa deste Natal, trazendo agora o apelo da sustentabilidade, da preservação do meio ambiente. A maior árvore sustentável do Brasil. Prestigiando também os artistas locais, reforçando ainda mais essas mensagens que a gente procura passar de valorização da educação, da cultura, do morador de rua, dos estudantes, enfim, a gente fica satisfeito com o resultado do trabalho”, afirmou.

Prefeito durante a inauguração (Foto: Betto Jr/ CORREIO)

A cerimônia de inauguração começou e foi encerrada por estudantes do curso de inglês da Fundação Cidade Mãe. Eles cantaram e coreografaram canções natalinas nacionais e estrangeiras. A professora Sandra Moreira, 41 anos, estava de passagem pela Praça Municipal, mas resolveu fazer um registro com o celular.

“A árvore ficou linda. Ontem, fui no Campo Grande e a decoração lá também ficou muito bonita. O Natal é uma data tão especial, a comemoração pelo nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo, então, merece todo esse capricho. A apresentação dos estudantes também ficou bem legal”, contou.

O presidente da Limpurb, Marcus Vinicius Passos, disse que a ideia de construir uma árvore de garrafas pet surgiu durante a Climate Week, a Semana do Clima da Organização das Nações Unidas realizada em Salvador, em agosto. “Fizemos uma pesquisa e vimos que a maior árvore sustentável do Brasil tinha sido feita no interior do Paraná. Ela tinha 16,5 metros”, contou.

A Limpurb lançou uma campanha nas redes sociais para arrecadar os produtos e contou com a ajuda de voluntários. Foram mais de três meses de confecção e, agora, o verde se destaca em meio às construções de concreto. Considerando a quantidade de flash que recebeu no primeiro dia, a árvore sustentável é o novo ponto turístico da cidade.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas