Audi Q5 é atualizado, ganha carroceria coupé e novas tecnologias

só se vê no correio
02.07.2021, 11:20:00
A dianteira do Audi Q5 segue o mesmo estilo adotado no Q8. Há opção de faróis adaptativos em LED (Foto: Antônio Meira Jr./CORREIO)

Audi Q5 é atualizado, ganha carroceria coupé e novas tecnologias

Jornalista especializado avaliou o SUV, que custa a partir de R$ 309.990, e conta a experiência em vídeo e texto

O Q5, um dos produtos mais populares da Audi no Brasil, acaba de chegar renovado às concessionárias. E o desenho é a principal novidade do SUV, que pela primeira vez ganhou uma configuração com carroceria estilo coupé.

Essa opção, chamada pelo fabricante de Sportback, chega para desafiar seus rivais alemães da BMW e Mercedes-Benz, respectivamente representados por X4 e GLC Coupé. É uma mudança inesperada, pois aconteceu no meio da geração atual, que chegou ao mercado brasileiro no final de 2017. Para quem acha ousado o estilo, não precisa se preocupar, o tradicional modelo SUV continua.

Dê play e confira as primeiras impressões sobre o Q5

Importado do México, o modelo tem apenas uma motorização a 2 litros turbo que entrega 249 cv de potência e 37,7 kgfm. Esse propulsor é associado a uma transmissão automatizada de dupla embreagem que tem sete velocidades. Há ainda tração integral e modos de condução, que variam de acordo com a necessidade podendo ir do conforto ao off-road.

Além da recalibração de todo o conjunto mecânico, o Q5 agregou um sistema híbrido leve que usa bateria de 12V para alimentar um pequeno motor elétrico. Em algumas situações, com o modo eficiente de condução ativado, a tecnologia é capaz de desligar o propulsor a combustão entre 55 km/h e 160 km/h.

Experiência
Rodei quase 600 quilômetros entre a capital paulista e Poços de Caldas, no Sul de Minas Gerais, e retornei para São Paulo. No trajeto, diversos tipos de piso, entre trechos urbanos e rodovias. Mas a situação mais interessante foi em um trecho sem pavimentação, no acesso a uma fazenda em Minas. 

A atuação do sistema de tração integral, chamado pela Audi de quattro Ultra, é impecável. Ele transmite até 70% da força para o eixo traseiro, gerenciando a tração de forma inteligente. Usando o modo off-road, entrei até em uma roça de café, bem íngreme, e com muitas erosões. A atuação foi exemplar.

O Q5 se saiu muito bem em trechos sem pavimentação graças a tração integral
O Q5 se saiu muito bem em trechos sem pavimentação graças a tração integral (Foto: Antônio Meira Jr./CORREIO)
O bagageiro tem capacidade para 520 litros no SUV e 510 litros no Sportback
O bagageiro tem capacidade para 520 litros no SUV e 510 litros no Sportback (Fotos: Audi)
São quatro opções para acabamento interior: bege, cinza, marrom ou preto
São quatro opções para acabamento interior: bege, cinza, marrom ou preto
O painel é digital e tem uma tela de 12,3 polegadas
O painel é digital e tem uma tela de 12,3 polegadas
A transmissão é de dupla embreagem com sete marchas
A transmissão é de dupla embreagem com sete marchas
Quem viaja atrás conta com saídas de ar e tomadas USB
Quem viaja atrás conta com saídas de ar e tomadas USB

Em situações convencionais, o aparato tecnológico ajuda e cumpre a função de alertar o motorista, que está ao volante de um SUV com 4,68 m de comprimento e 2,14 m de largura, contando as extremidades dos retrovisores. Entre eles, destaque para o sensor de ponto cego, leitor de faixas e piloto automático adaptativo. Com eles atuando, o Q5 parece menor, fácil de ser conduzido.

Há soluções que vão além da direção, como porta-malas com abertura elétrica - que pode ser acionado pela chave ou passando a perna sob o para-choque. Até mesmo para quem vai sair distraído do Q5 existe um sistema para evitar acidentes, o Exit Warning. O veículo bloqueia a porta caso detecte que um outro veículo possa atingir um dos passageiros.

Mercado
Para o SUV, a opção a mais acessível é a Prestige (R$ 309.990), seguida pela S line (R$ 344.990) e S line Black (R$ 370.990). O Sportback tem duas versões: S line (R$ 369.990) e S line Black (R$ 395.990). Nas fotos, o carro azul é o Sportback e o cinza, o SUV.

Há vários opcionais, como o head-up display, que custa R$ 7.500, ou o sistema de som da Bang & Olufsen, que sai por R$ 8 mil. Um item interessante para quem curte iluminação são as lanternas traseiras com sistema Oled, que possibilita a escolha de desenhos diferentes para as luzes.

A Audi aposta no crescimento das vendas de SUVs no mercado premium e esse estilo diferente de carroceria para o Q5 deverá ajudar nos planos. Atualmente, 65% dos veículos de luxo vendidos são utilitários esportivos. Em 2014, esse mercado representava 42%.

*O JORNALISTA VIAJOU A CONVITE DA AUDI

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas