Bahia anuncia a contratação do técnico argentino Diego Dabove

e.c. bahia
18.08.2021, 20:31:00
Bahia surpreendeu e anunciou o argentino Diego Dabove como novo treinador (Foto: Divulgação/San Lorenzo)

Bahia anuncia a contratação do técnico argentino Diego Dabove

Treinador será o substituto de Dado Cavalcanti

Depois de 42 anos, o Bahia volta a ser comandado por um técnico estrangeiro. O tricolor acertou a contratação do argentino Diego Dabove como substituto de Dado Cavalcanti, demitido na terça-feira (17). O anúncio foi feito na noite desta quarta (18). 

Dabove tem 48 anos e ganhou destaque ao ser vice-campeão argentino com o Godoy Cruz, em 2018. No currículo, ele conta ainda com passagens por Argentnos Juniors e San Lorenzo, clube no qual trabalhou até maio deste ano. O contrato com o Bahia vai até o fim de 2022.  

O novo treinador chega ao Esquadrão acompanhado dos auxiliares Guillermo Formica e Walter Ribinetto, além do preparador físico Agustín Buscaglia. Dabove vai assumir a equipe após o duelo contra o Grêmio, sábado (21), em Porto Alegre. Na ocasião, o tricolor será comandado pelo português Bruno Lopes, treinador do time de transição. 

No tricolor, Dabove vai quebrar um período de 42 anos desde que o time principal teve um estrangeiro à beira do campo. O último foi o também argentino Armando Renganeschi, em 1979. O primeiro jogo do treinador será contra o Fluminense, no próximo dia 30, às 19h, no Maracanã. 

"Buscamos um treinador em ascensão, moderno, de uma escola nova e com reconhecido trabalho de aproveitamento de jovens jogadores", explicou o presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, sobre a escolha pelo argentino.

Desafio
Como jogador, Diego Dabove teve carreira de goleiro. Revelado pelo Lanús, atuou por equipes de divisões inferiores do futebol argentino como Quilmes, Cañuelas e Ferro de General Pico, se aposentando de forma precoce, com somente 27 anos.

Antes de se tornar treinador, na temporada 2018, ele trabalhou como auxiliar de nomes importantes do país vizinho, como Miguel Ángel Russo, ex-Boca Juniors, além de Nestor Gorosito e Miguel Brindisi, com quem trabalhou no Boca e no Lanús. 

O Bahia será  o primeiro clube de Diego Dabove fora da Argentina. O treinador terá pela frente o desafio de tirar o Esquadrão da crise no Campeonato Brasileiro. O time não vence há seis jogos pela competição nacional. Foram cinco derrotas e um empate, motivo que levou a diretoria a desligar o técnico Dado Cavalcanti. 

Atualmente, o tricolor soma 18 pontos e é o 13º colocado da Série A, com apenas três pontos de distância do Sport, primeiro time dentro da zona de rebaixamento. 

Além disso, o argentino vai ter que saber lidar com um elenco enxuto. O clube vem sofrendo pela falta de qualidade do banco de reservas e, com os cofres abalados, não pretende fazer grandes contratações para a sequência do ano. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas