Bahia enfrenta o Atlético-MG, velho conhecido de Roger Machado

e.c. bahia
24.08.2019, 05:00:00
Treinando o Bahia, Roger não venceu nenhuma partida fora de casa pelo Brasileirão (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Bahia enfrenta o Atlético-MG, velho conhecido de Roger Machado

Treinador do Bahia já enfrentou Grêmio e Palmeiras neste Brasileirão; Galo fecha a série

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Bahia é o sexto clube na carreira de Roger Machado como treinador de futebol profissional. Além do tricolor, ele também passou por Juventude, Novo Hamburgo, Grêmio, Palmeiras e Atlético-MG. No jogo de hoje, às 11h, no estádio Independência, o técnico de 44 anos faz o “último” dos seus reencontros, levando em consideração as equipes de Série A. 

Adversário do dia, o Galo foi o último clube de Roger antes de assumir o Esquadrão. Assim como faz a bola no gramado, o mundo do futebol dá muitas voltas, reservando histórias temperadas com encontros e desencontros: por exemplo, foi após ser derrotado pelo Bahia por 2x0 no palco do jogo de hoje, em 2017, que o treinador foi demitido da equipe mineira. Os gols da partida foram marcados por Juninho, volante que está no Fortaleza por empréstimo.

Até então, Roger enfrentou dois de seus ex-clubes. Contra o Grêmio, enfrentou uma maratona de três jogos, um pelo Brasileiro e outros dois pelas quartas da Copa do Brasil. Ele venceu a partida pelo Brasileirão: 1x0 em Pituaçu. Já na Copa do Brasil, acabou com um empate (1x1) em Porto Alegre e derrota por 1x0 em Salvador. O Bahia foi eliminado da competição. De volta ao Brasileiro, foi até São Paulo enfrentar o Palmeiras e empatou em 2x2.

Tá difícil 
Somando as últimas três edições de Série A disputadas pelo Bahia (2014, 2017 e 2018), foram apenas oito triunfos fora de casa anotados pelo tricolor. Somando com os sete jogos de jejum da atual temporada, são 53 jogos ao todo sem triunfo longe de Salvador dos 61 disputados. 

Contra o Galo, o tricolor terá pela frente a equipe dona da terceira melhor campanha dentro de casa, mas que vai entrar com um time alternativo, de olho na partida de terça-feira contra o La Equidad, da Colômbia, pelas quartas de final da Copa Sul-Americana. Técnico dos mineiros, Rodrigo Santana confirmou em entrevista que apenas dois titulares começam o jogo contra o Esquadrão: o goleiro Cleiton e o zagueiro Igor Rabello.

De volta ao elenco depois de cumprir suspensão automática contra o Goiás, o volante Gregore diz que não se importa muito com quem o Galo vai colocar em campo e que o Bahia precisa pensar apenas no próprio desempenho em Minas Gerais.

“Essa situação a gente tem que deixar para eles resolverem. A gente tem que pensar em evoluir nosso padrão de jogo, continuar evoluindo igual a gente está nas outras partidas. Se preocupar com a gente”, avaliou o camisa 26.

Ficha Técnica
Campeonato Brasileiro | Série A | 16ª Rodada
Atlético-MG x Bahia

Data: 24 de agosto de 2019 | Horário: 11h
Estádio: Arena Independência | Belo Horizonte-MG

Atlético-MG: Cleiton, Guga, Léo Silva, Igor Rabello e Lucas Hernández; Ramon Martínez; Nathan, Luan (Zé Welison), Otero e Geuvânio; Alerrandro
Bahia: Douglas, Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Giovanni; Gregore, Flávio e Ronaldo (Guerra); Lucca, Artur e Gilberto
Arbitragem: Rodolpho Toski Marques, auxiliado por Bruno Boschilia e Victor Hugo Imazu. Trio paranaense

*Com supervisão do subeditor Miro Palma

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas