Bahia visita o Fluminense na tentativa de voltar ao G6 da Série A

e.c. bahia
12.10.2019, 16:20:00
Atualizado: 12.10.2019, 16:31:28
Gilberto participou do treino no Fazendão (Felipe Oliveira/EC Bahia)

Bahia visita o Fluminense na tentativa de voltar ao G6 da Série A

Time desperdiçou pontos em casa e agora inicia sequência fora; jogo começa às 19h, no Maracanã

A sequência de dois jogos em casa que o Bahia teve não foi como o esperado. Por isso, o tricolor agora se vê forçado a buscar fora de Salvador os pontos perdidos para Athletico-PR e São Paulo para voltar ao G6, grupo que se classifica para a Copa Libertadores de 2020.
 
E a primeira oportunidade para somar três pontos e voltar a subir na tabela da Série A será neste sábado (12), quando enfrenta o Fluminense, às 19h, no Maracanã. O duelo será o primeiro dos dois seguidos que o time vai fazer como visitante. Depois do confronto no Rio de Janeiro, a equipe segue para Porto Alegre, onde encara o Grêmio na quarta-feira (16).  

O time tem 38 pontos e está na oitava colocação. Uma vitória diante dos cariocas fará o Esquadrão dormir na quinta colocação da Série A, dentro da zona de classificação para Copa Libertadores. São Paulo, Inter e Grêmio só entram em campo no domingo.

A campanha do Bahia longe dos seus domínios em 2019 é relativamente boa. O tricolor venceu três dos últimos quatro jogos que fez fora de casa (Atlético-MG, Vasco e Avaí). Até aqui, ostenta a oitava melhor campanha como visitante da Série A, com 13 pontos, empatado com o Athletico-PR. O time paranaense leva vantagem no saldo de gols. 

Esse bom momento longe de Salvador não chega a ser uma surpresa. Ganhar pontos fora foi colocado como meta interna no processo do Bahia de subir mais um degrau nesta temporada. 

“São poucas as equipes que conseguem ter uma porcentagem boa de triunfos fora de casa e a gente entendeu isso desde o início. O nosso objetivo é uma melhor performance fora de casa comparando ao ano passado, quando a gente demorou para vencer e conseguiu apenas dois triunfos. Isso foi determinante para a gente não ter uma colocação melhor. Agora são duas partidas fora e a gente se sente confiante para ir para ao Rio de Janeiro e Rio  Grande do Sul enfrentar as equipes e pontuar. Seria algo bom para quem gosta de estatísticas, mas principalmente para a nossa posição na tabela”, explica o goleiro Douglas.

Tabu para quebrar
Além de subir na classificação, em caso de triunfo no Maracanã o tricolor vai quebrar um jejum: desde 2013 não consegue mais de três vitórias fora de casa na Série A. Naquele ano, o Bahia somou cinco triunfos longe de Salvador e terminou o Brasileirão em 12º lugar.

Na era dos pontos corridos, a maior quantidade de triunfos fora dos seus domínios foi conquistada em 2012, quando o time conseguiu seis vitórias. Para se ter uma noção de como é importante pontuar fora de casa, desde 2017, quando o Brasileirão passou a dar seis vagas para a Copa Libertadores, todos os sextos colocados conseguiram cinco triunfos como visitante, dois a mais do que o Bahia tem hoje no campeonato. 

Para quem gosta de apelar para a superstição, aí vai um bom sinal: o Bahia tem espelhado no segundo turno a campanha do primeiro. Nos cinco primeiros jogos do returno, o tricolor conquistou os mesmos sete pontos do primeiro. E, nessa mesma sequência de jogos, venceu Fluminense e Grêmio. 

Para ajudar na missão, o adversário também colabora. O Fluminense está entre os piores mandantes do Campeonato Brasileiro. O time carioca venceu apenas quatro dos 12 jogos que fez em casa. Porém está em evolução: dois deles foram conquistados nas últimas três partidas, quando bateu Corinthians (em Brasília) e Grêmio. 

Gilberto volta; veja provável escalação
O técnico Roger Machado ganhou um reforço importante para o duelo contra o Fluminense. Depois de ficar fora no empate em 0x0 com o São Paulo por causa de desgaste muscular, o atacante Gilberto, vice-artilheiro do Brasileirão com 11 gols, treinou normalmente na véspera da partida e vai ser titular no Maracanã. 

Outra confirmação no ataque é a presença de Élber, recuperado de virose. E no meio-campo, Guerra retorna de suspensão, embora provavelmente como reserva. Por ser fora de casa, Ronaldo está cotado para seguir no time.

Por outro lado, o Bahia perde dois titulares: o lateral esquerdo Moisés, machucado, e o atacante Artur. Giovanni e Lucca são os substitutos, respectivamente.

A provável escalação do Bahia tem Douglas, Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Giovanni; Gregore, Flávio e Ronaldo; Élber, Gilberto e Lucca.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/carreata-de-pms-grevistas-trava-a-paralela-engarrafamento-chega-a-9-km/
Previsão da Transalvador é que grupo só retorne para a Adelba às 20h30
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/marcia-fellipe-se-defende-apos-criticar-canonizacao-de-irma-dulce/
'Eu peço aqui desculpa. Não falei sobre religião. Falei sobre o que a palavra nos diz', disse
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/grupo-de-pms-grevistas-faz-carreata-ate-o-cab-para-cobrar-medidas-do-governo/
Justiça negou pedido do MPE para suspender as atividades da Aspra
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/essa-sua-corzinha-diz-passageira-para-motorista-negro-apos-corrida-para-patamares/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/dulce-e-pop-1a-missa-para-santa-dulce-dos-pobres-tem-exibicao-de-reliquia/
Caridade de Irmã Dulce, agora Santa Dulce dos Pobres, foi destacada pelo arcebispo primaz de Salvador e do Brasil
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/irma-dulce-iluminou-o-mundo-diz-dom-murilo-em-1a-missa-do-mundo-para-a-santa/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/maestro-da-mao-abencoada-tocada-por-dulce-duas-vezes-e-pelo-papa-francisco/
Na cerimônia de canonização, miraculado levou taça de ouro com pétalas de rosas brancas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/festa-com-dende-em-roma-baianos-celebram-santa-dulce-com-hino-carnavalesco/
Baianidade Nagô animou comemoração de baianos após a cerimônia, na Praça de São Pedro
Ler Mais