Bahia volta ao Z4 após 25 rodadas; última vez foi na edição 2020

e.c. bahia
26.09.2021, 18:32:34
Atualizado: 26.09.2021, 20:01:56
Bahia, de Capixaba, foi derrotado pelo Inter no Beira Rio (Divulgação / EC Bahia)

Bahia volta ao Z4 após 25 rodadas; última vez foi na edição 2020

Time venceu apenas um dos 12 últimos jogos e perdeu oito vezes

Com a derrota fora de casa por 2x0 para o Internacional neste domingo (26), o Bahia entrou na zona de rebaixamento pela primeira vez nesta edição da Série A. O tricolor é o 17º colocado, com 23 pontos, um a menos do que o Santos, em 16º.

O Esquadrão não ia para o Z4 há 25 rodadas, ou quase oito meses. A última vez em que o Bahia esteve na zona foi em 3 de fevereiro deste ano, porém pela 34ª rodada da Série A 2020 (adiada por conta da pandemia). Na ocasião, perdeu por 1x0 para o Fluminense na Fonte Nova.

Depois, na 35ª rodada, o time empatou em 3x3 com o Goiás em casa e deixou o Z4. Não voltou mais nas três rodadas seguintes, finalizando a temporada no 14º lugar.

Já em 2021, nas 21 rodadas anteriores ao duelo deste domingo com o Inter, o Bahia não ocupou o Z4 em momento algum. No máximo, ficou como "porteiro" da zona, em 16º, por duas rodadas – a 18ª e a 19ª, já sob comando de Diego Dabove.

O que levou a equipe à zona de rebaixamento foi uma sequência negativa de somente uma vitória nos últimos 12 jogos. Foi diante do Fortaleza, por 4x2, pela 19ª rodada, também sob comando de Dabove. Além disso, foram oito derrotas e três empates.

Os atletas saíram de campo sem dar entrevistas após a derrota para o Internacional no Beira-Rio. O elenco adotou essa postura como uma forma de protesto por causa dos salários atrasados no clube, conforme comunicaram à diretoria durante a semana.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas