Banda iraniana é condenada a 14 anos de prisão e 74 chibatadas por tocar rock

mundo
13.07.2019, 17:33:00
Atualizado: 13.07.2019, 17:33:56

Banda iraniana é condenada a 14 anos de prisão e 74 chibatadas por tocar rock

Heavy metal é proibido no Irã e os músicos escaparam de execução por pouco

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


Os músicos da banda iraniana de heavy metal Confess foram condenados pelo Tribunal Revolucionário de Teerã a 14 anos de prisão e 74 chibatadas por tocar heavy metal, que é proibido no Irã e considerado crime. Segundo o site The Wrap, que publicou a notícia, Nikan, "Siyanor" Khosravi e Arash "Chemical" Ilkhani foram acusados de blasfêmia e presos pelo Exército dos Guardiões da Revolução Islâmica, em 2015, depois de expressarem sentimentos antirreligiosos e contra o regime.

De acordo com Khosravi, os integrantes da banda escaparam de serem executados por pouco. A defesa deles usou um detalhe da Lei Sharia, praticada no país, que diz que se a pessoa insultar o Profeta, será executado, porque ele está morto e não pode se defender. Porém se o indivíduo blasfemar contra Deus e questionar a sua existência, ele pode te perdoar. "Por isso não fomos executados", contou Khosravi.

Khosravi foi condenado a 12 anos e meio de prisão e 74 chibatadas, enquanto Ilkhani teve a pena inicial de 6 anos diminuída para dois. Entre as acusações, estão “insultar a santidade do Islã”, “perturbar a opinião pública através da produção de músicas com letras contra o regime e com insultos e participação em entrevistas com a mídia de oposição” e “insultar o Líder Supremo e presidente”. Após pagarem 30 mil dólares de fiança, os artistas foram para a Turquia e hoje estão asilados na Noruega.

***

O CORREIO entende a preocupação diante da pandemia do novo coronavírus e que a necessidade de informação profissional nesse momento é vital para ajudar a população. Por isso, desde o dia 16 de março, decidimos abrir o conteúdo das reportagens relacionadas à pandemia também para não assinantes. O CORREIO está fazendo um serviço de excelência para te manter a par de todos os últimos acontecimentos com notícias bem apuradas da Bahia, Brasil e Mundo. Colabore para que isso continue sendo feito da melhor forma possível. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/novelas-classicas-chegam-ao-globoplay-e-a-favorita-e-a-primeira/
'Laços de Família', 'Vale Tudo' e 'Tieta' estão entre as próximas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/sao-joao-parte-1-dia-de-tradicao-antecipada-teve-licor-e-forro-em-familia-em-salvador/
Para aliviar tensão da pandemia, muita gente recorreu ao humor e, claro, ao rango típico nessa segunda-feira atípica
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/anitta-x-leo-dias-entenda-o-conflito-entre-a-cantora-e-o-jornalista/
Cantora afirmou que era ameaçada e chantageada há alguns anos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/veja-dicas-para-se-dar-bem-nas-selecoes-de-emprego-pela-internet/
Especialistas selecionam uma série de orientações importantes para fazer bonito nas entrevistas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cheio-de-graca-baianos-criam-memes-com-a-antecipacao-de-feriados/
Confira alguns memes que estão 'bombando' nesse feriadão antecipado por conta da pandemia
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/populacao-desrespeita-decretos-e-faz-ate-paredao-em-simoes-filho/
Comércio não-essencial estava aberto na cidade; prefeitura local faz apelo
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bolsonaro-come-cachorro-quente-em-brasilia-sob-gritos-de-assassino/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/caua-lady-gaga-cristiano-ronaldo-conheca-os-carros-de-10-celebridades/
Saiba qual é a marca preferida da Rainha Elizabeth II, veja quais famosos compraram um Ferrari exclusivo
Ler Mais