Bruna Marquezine revela que já teve coronavírus: 'Não faço ideia de como peguei'

em alta
18.10.2020, 19:08:00
Atualizado: 18.10.2020, 19:11:48
(Reprodução/Instagram)

Bruna Marquezine revela que já teve coronavírus: 'Não faço ideia de como peguei'

Atriz disse que descobriu ao fazer teste antes de participar de um trabalho

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A atriz Bruna Marquezine revelou que teve coronavírus, mas que não sentiu nenhum sintoma e não sabe como pegou. A declaração foi dada a Eduardo Sterblitch em seu programa Sterblitch Não Tem Um Talk Show: o Talk Show, do Gshow.

"Foi bem estranho na verdade. Quando descobri, pensei que estava no começo, mas o médico me disse que eu estava no final. Não senti nada", disse a atriz. "Nos últimos meses fiz muito trabalho, então toda semana fazia teste. Não saía de casa, estava tudo certinho. Não faço ideia de como peguei", completou.

Bruna também disse que se cobra muito. "Tem uma Bruna muito cruel, ela é a pessoa que mais me odeia no mundo. Detesta tudo o que eu falo. Sou a minha própria hater, muito cruel comigo", disse ela. "Diria para a Bruna do passado para investir em terapia mais cedo. Cresci duvidando, tenho até hoje dificuldade de me levar a sério, de acreditar no que eu faço. Sou sempre insegura em relação ao meu trabalho. Então, falaria para investir na terapia e não insistir em certas coisas... Tenho muita dificuldade também em aceitar o fim de ciclos".

Bruna também falou como encara a superexposição, mesmo após anos de carreira e reconhecimento. "Ainda estou aprendendo com essa coisa de internet. A cada ano que passa a loucura aumenta. Eu recebo um carinho enorme e sou grata, mas ainda estou tentando descobrir uma troca mais genuína com a galera", pontuou.

Ao falar sobre sua avó, que lhe deu o sobrenome artístico Marquezine, a atriz se emocionou. Seu nome de batismo é Bruna Reis Maia. "Carregar o nome dela é carregar uma benção e o legado da mulher forte, generosa e dedicada aos outros que ela era. Toda vez que penso nisso, é um lembrete para tentar me parecer com ela", explicou Bruna.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas