Cerca de 70% dos alunos voltaram para a escola, diz governador interino

salvador
20.10.2021, 12:52:00
Atualizado: 20.10.2021, 12:52:23
Governador e secretário assistem apresentação de estudantes (Foto: Camila Souza/ GOVBA)

Cerca de 70% dos alunos voltaram para a escola, diz governador interino

Adolfo Menezes e o secretário de Educação visitaram obras em escola do Cabula

Os estudantes do Colégio Estadual Governador Roberto Santos, no Cabula, receberam as visitas do governador em exercício e presidente da Assembleia Legislativa, Adolfo Menezes, e do secretário de Educação, Jerônimo Rodrigues, nesta quarta-feira (20). As autoridades foram até o local para conferir o andamento das obras de ampliação da unidade. Durante o evento o governador interino comentou sobre a volta às aulas.

“Depois de um ano e sete meses sem aula o percentual na capital está, em média, de 70% dos alunos. Começou anteontem [o retorno 100% presencial] e nesse período muitos foram para outras cidades ou conseguiram algum emprego em outros lugares, mas acreditamos que depois dessa semana as coisas voltam ao normal para que a gente tenha a capacidade total dos alunos em sala de aula”, disse.

Secretário e governador vistoriam as obras (Foto: Camisa Souza/ GOVBA)

O governador e o secretário percorreram a escola, vistoriaram as obras e assistiram a uma apresentação preparada pelos estudantes. As intervenções e melhorias na unidade escolar incluem a construção de uma quadra poliesportiva coberta, um campo de futebol society e a reforma da parte interna da escola. Os serviços estão previstos para serem concluídos no início de dezembro deste ano e o investimento supera os R$ 6 milhões.

"Estou muito contente de visitar esse grande colégio localizado em um bairro populoso aqui de Salvador, como é o Cabula, e que está recebendo um investimento dessa importância para tantas requalificações. São diversas escolas sendo ampliadas e modernizadas pelo Governo do Estado, tanto na capital como no interior. Uma iniciativa que nunca foi feita por nenhum outro governo”, afirmou Menezes.

Na terça-feira (19), em publicação no Diário Oficial do Estado (DOE), o Governo da Bahia destinou mais de R$ 32 milhões para a ampliação com modernização de unidades escolares localizadas em Salvador. As obras fazem parte da requalificação que está sendo realizada na rede física escolar em todo o estado, e que superam R$ 2 bilhões em investimentos.

Visita aconteceu no Cabula (Foto: Camila Souza/ GOVBA)

A melhoria da rede também envolve a implantação dos Complexos Poliesportivos Educacionais com quadras poliesportivas cobertas, academia de ginástica, quadra de vôlei de areia, pista de atletismo e piscina. O secretário de Educação, Jerônimo Rodrigues, contou que existe cerca de 200 escolas estaduais de Salvador e que algumas delas terão que ser adaptadas.

“Onde não houver espaço para ampliação das unidades teremos que desapropriar terrenos e fazer essas mudanças. Não tem como termos uma escola sem quadra, sem auditório e sem refeitório. É por isso que estamos fazendo uma mobilização em Salvador para garantir que a gente desaproprie um terreno ao lado. Todas as escolas da Bahia terão condições de ter auditório, refeitório, laboratório, quadra coberta e campo, podemos abrir mão do campo, mas quadra coberta e arena teremos em todas”, contou.

Ele disse também que o objetivo do governo é ampliar a oferta de educação em tempo integral. A meta é alcançar 100% das unidades em quatro anos.  "Todo esse investimento tem como objetivo garantir qualidade efetiva na educação em tempo integral na Bahia, oferecendo toda a infraestrutura necessária para que as atividades de professores e estudantes sejam realizadas de forma mais qualificada", afirmou.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas