Ciclovia de 320 quilômetros vai ligar Salvador a Aracaju pelo litoral

salvador
19.05.2021, 14:46:00
Farol da Barra terá 'ligação direta' com Farol do Rio Sergipe, na Praia dos Artistas (Fotos: Tiago Caldas/Arquivo CORREIO e Reprodução)

Ciclovia de 320 quilômetros vai ligar Salvador a Aracaju pelo litoral

Projeto que visa fomentar cicloturismo deve ir do Farol da Barra à Praia dos Artistas 

Viajar de bicicleta entre Salvador e Aracaju será possível com a construção de uma ciclovia litorânea, lançada oficialmente pela Companhia do Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), em Brasília, nessa terça-feira (19). 

Para a implantação da primeira grande ciclovia do Nordeste, está prevista a construção de 320 km de extensão, interligando as duas capitais, promovendo o desenvolvimento de novos atrativos turísticos por meio do incentivo ao ecoturismo. O trecho iria do Farol da Barra, orla de Salvador, à Praia dos Artistas, em Aracaju.

O projeto da ciclovia interestadual partiu do deputado federal baiano Arthur Maia (Cidadania), e conta com o apoio dos deputados federais de Sergipe Fábio Mitidieri, Fábio Henrique e Gustinho Ribeiro, que estiveram na reunião de lançamento, além dos deputados federais Laércio Oliveira e Fábio Reis, que não estiveram presentes, mas que já garantiram seus apoios.

Recentemente, Maia destinou à Codevasf o montante de R$ 1 milhão, fruto de emenda parlamentar, para a realização do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) da obra. A ação conta com a parceria do Ministério do Turismo. O passo posterior será a elaboração do projeto executivo.

(Foto: SeturBA)
(Foto: SeturBA)

A iniciativa de ligar as duas capitais nordestinas fomentando o cicloturismo é bem vista pelo secretário de Turismo da Bahia, Fausto Franco, que participou da cerimônia em Brasília em um de seus últimos compromissos no cargo. De acordo com ele, a prática do cicloturismo é uma realidade em diversos destinos turísticos mundiais – especialmente na Europa – e trazê-la para a Costa dos Coqueiros, zona turística baiana que segue até a divisa com Sergipe, vai proporcionar ricas experiências aos turistas e também oportunidades para geração de renda para a população local. 

“Quem fizer a visita terá a oportunidade de estar em contato com a exuberante natureza da região e também com a cultura local. Já os moradores das cidades margeadas pela rodovia e ciclovia terão a oportunidade de vender serviços e produtos típicos, incrementando a renda das comunidades”, comemorou. Fausto destacou ainda que a Costa dos Coqueiros abriga o maior parque hoteleiro do estado e está em plena expansão. 

O secretário do Turismo de Sergipe, Sales Neto, também comemorou a iniciativa e lembrou que Aracaju possui tradição forte no ciclismo, sendo a capital com mais ciclovias, proporcionalmente, no Brasil.

“O Governo de Sergipe está de braços abertos para receber essa iniciativa e apoiar. Essa será uma obra fantástica. Os ciclistas de Sergipe estão muito felizes. A ciclovia vem ao encontro do que há de mais moderno, como o turismo em contato com a natureza e atividades ao ar livre. Iremos apoiar em tudo que estiver ao nosso alcance lembrando que o governador Belivaldo Chagas já está construindo ciclovias na nova obra da Orla Sul que quando ficar toda pronta vai somar mais 17 quilômetros”, declarou ele. Com informações do Alô Alô Bahia.

Confira a apresentação do projeto na íntegra.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas