Com nova casa no Rio Vermelho, Di Lucca segue sem cobrar taxa de rolha

paula theotonio
04.07.2019, 05:13:00

Com nova casa no Rio Vermelho, Di Lucca segue sem cobrar taxa de rolha


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Vinhos do Di Lucca

Você sabe o que é taxa de rolha? É um preço cobrado em alguns restaurantes para que você possa levar seu próprio vinho. O valor pode variar entre R$ 30 e R$ 100; além de haver proibições em algumas casas para qualquer bebida externa. Há, ainda, os que não cobram nenhuma taxa, como é o caso do Di Lucca, que inaugura sua terceira unidade no Rio Vermelho esta quinta-feira (04).

Segundo o chef e sócio-proprietário da comedoria de inspiração italiana, Lucas Presas, a ideia é permitir que os clientes criem suas próprias experiências enogastronômicas. “Os mundos do vinho e das harmonizações são muito vastos pra gente querer limitar aos rótulos da casa. Quando cobramos, espantamos alguns clientes. Então hoje a gente incentiva bastante essa cultura”, explica.

Quem quiser contar com as opções disponibilizadas na adega, encontrará um mix de rótulos do Chile e Portugal – campeões no paladar brasileiro. Lucas destaca o 7 Colores Gran Reserva, um tinto chileno elaborado com as uvas Cabernet Sauvignon e Muscat de Alexandria, com 6 meses de carvalho francês e americano, além de colheita manual. Endereço: Travessa Bartholomeu de Gusmão, 124, no Rio Vermelho.

Norte da Bahia
Às margens do Rio São Francisco, em Petrolina (PE), o Champanharia acabou de lançar um aplicativo de smartphone para melhor se relacionar com clientes. No app chamado Wine Drink Clube, disponível para Android e iOS, há um sistema de pontos, que são acumulados a cada compra e permitem descontos especiais. Os clientes também poderão acessar uma área de fotos e poderão agendar eventos e reservas com cardápio especial. A casa de inspiração portuguesa, fundada e chefiada pelo português Paulo Caira, ainda tem rótulos exclusivos das regiões vinicultoras de Setúbal e Vinho Verde. Endereço: Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, 690A – Bairro São José, Petrolina.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas