Coordenadora diz que já atendeu 12 homens 'grávidos' tentando se vacinar

em alta
18.05.2021, 08:39:38
(Foto: Arisson Marinho / CORREIO)

Coordenadora diz que já atendeu 12 homens 'grávidos' tentando se vacinar

Confusão ocorre por erro na hora de preencher ficha

Vera Lúcia Ferreira, coordenadora de Acolhimento e Registro de Vacinação de Cuiabá, disse ao G1 que em apenas um dia recebeu 12 homens "grávidos" querendo se vacinar contra a covid-19.

“Em um dia tivemos 12 homens grávidos em Cuiabá. A gente percebe que foi mesmo um erro de cadastro, um erro de grupo no qual ele não se enquadra”, disse ela ao G1.

Para explicar a situação improvável biologicamente, ela teoriza que os 'prenhos' não se atentam na hora de preencher o cadastro e marcam a opção errada.

“A gente está tendo muitos cadastros de homens grávidos e puerpério com comorbidade. Na ansiedade de fazer o cadastro, ele entra, realiza o cadastro e, quando chega para se vacinar, esse cadastro está como gestante. O cadastro é anulado. Se o homem fizer parte de algum grupo que estamos vacinando, a gente faz a alteração, se não fizer o cadastro é excluído”, explica Vera Lúcia.

Ao perceber o erro, alguns acham engraçados e outros ficam nervosos. De qualquer forma, todos são impedidos de realizar a vacinação.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas