Danilo Fernandes celebra renovação e projeta volta por cima com o Bahia

e.c. bahia
23.01.2022, 15:50:00
Danilo Fernandes foi um dos destaques do Bahia no Brasileirão e segue no tricolor em 2022 (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Danilo Fernandes celebra renovação e projeta volta por cima com o Bahia

Goleiro é um dos líderes do elenco que tem a missão de colocar o Bahia na Série A

De contrato renovado com o Bahia até o fim de 2022, o goleiro Danilo Fernandes projeta um ano de "volta por cima". Durante entrevista ao canal oficial do clube, ele explicou o motivo de ter ampliado o vínculo com o Esquadrão, mesmo após o rebaixamento à Série B do Brasileirão. 

Um dos destaques do Esquadrão na reta final do ano passado, o goleiro chegou ao Bahia em julho, após ter perdido espaço no elenco do Internacional. Agora, ele quer se firmar de vez pelo tricolor.  

"Antes mesmo de acertar o ano passado o empréstimo, eu tinha falado para o meu empresário que não queria vir para passar quatro, cinco meses. Tínhamos um acordo verbal para permanência esse ano. Fiz tudo para cumprir com esse ano. Meu empresário até veio conversar comigo de outras possibilidades. Não sou jogador de ficar, quatro, meses no clube”, disse. 

“Vou cumprir a minha palavra, que era o que eu queria, minha família queria. Estamos bem ambientados aqui, estamos apaixonados pela cidade, pelo clube, tudo que envolve o Bahia. Clube gigante, campeão nacional", continuou Danilo.

Uma das lideranças do elenco que vai tentar reconduzir o Bahia à Série A, Danilo Fernandes quer reviver no Esquadrão uma parceria que deu certo no Internacional . Em 2017, o goleiro trabalhou com o técnico Guto Ferreira e conquistou o acesso à primeira divisão com o colorado. 

"A gente sabe que é um campeonato muito forte, cada vez mais difícil. Têm clubes que brigam todo ano pelo acesso e não estão conseguindo. Sabemos o quanto vai ser difícil. Tive uma experiência com Guto jogando pelo Internacional na Série B. É um campeonato muito disputado, às vezes deixa de ser um jogo bonito para ser competitivo", iniciou ele. 

"Às vezes, 1x0 é goleado. Fora de casa vai ser difícil, e dentro de casa os times vão se fechar para esperar o nosso erro. Guto é um cara vencedor, conhece a competição, o grupo. Está qualificando o grupo muito bem. Chegaram jogadores que vão ajudar. É uma experiência que conta, é válida. É um ano mais curto, em que a gente tem que se entregar 100%. É o mínimo para fazer uma campanha qualificada", completou. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas