De grão em grão: confira dicas de como inserir as sementes na alimentação

estúdio correio
21.12.2021, 06:00:00
Estúdio Correio -

De grão em grão: confira dicas de como inserir as sementes na alimentação

Nutricionista explica o que cada uma faz no nosso organismo

Pequenas no tamanho, mas gigantescas em relação aos poderes e benefícios.  Algumas sementes merecem nossa atenção na hora de pensar nas refeições do dia a dia. Elas são conhecidas por completarem uma alimentação saudável e tornar nosso organismo mais nutrido e não para menos. Os benefícios à saúde podem ser muitos: antioxidantes, vitamínicos, proporcionam saciedade, melhoram a função intestinal e reduzem níveis de colesterol. 

“As sementes são alimentos que enriquecem a nossa dieta. Elas podem nos auxiliar de inúmeras maneiras, dentre elas o funcionamento intestinal, aumento da saciedade, controle do colesterol, sobrepeso. Existem muitas sementes e todas elas são fáceis para encaixarmos no dia a dia”, ressalta a nutricionista Jisela Cambra.

A especialista separou dicas sobre esses notáveis alimentos, que se tornaram um ingrediente responsável por turbinar a dieta. A principal é misturar as sementes com as oleaginosas, que são as castanhas de caju e do Pará, amêndoa, avelã, nozes. “Também são alimentos excelentes", conta.

Conheça as melhores sementes para acrescentar à sua alimentação:

Linhaça
A semente de linhaça é rica em ômega 3, é anti-inflamatória e aliada do bom funcionamento cardiovascular. A nutricionista Jisela Cambra dá dicas de como consumir o grão: “Ela pode ser batida em sucos, vitaminas, pode fazer parte de receitas de bolos, panquecas, e pode até ser cozida junto com o arroz”.

Chia
A semente de chia também é rica em ômega 3. Ela ajuda, por exemplo, no processo do emagrecimento por aumentar a sensação de saciedade, além de auxiliar no funcionamento intestinal.

Girassol
De acordo com a nutricionista, a semente de girassol contém proteína, manganês e vitamina E. Ela pode ser consumida, por exemplo, com frutas, iogurte, mingau, em saladas. Após ser triturada, a semente pode fazer parte também de massas de tortas ou bolos salgados, misturada com cereais e adicionada ao iogurte.

Abóbora
A especialista conta que a semente de abóbora contém proteína e ferro, ótima aliada do sistema imunológico. Ela também pode ser consumida com frutas, vitaminas, mingau ou até pura em lanches.

Gergelim
A última, porém não menos importante, dica da nutricionista é a semente de gergelim, que é excelente fonte de cálcio, magnésio e fibras. “Ótima para incluir em saladas, frutas, cozinhar junto com arroz ou quinoa”, finaliza Jisela. 

O Sou Verão é um projeto do Correio com o patrocínio da Drogaria São Paulo, CF Refrigeração, Jotagê Engenharia, apoio institucional da Prefeitura Municipal de Salvador e apoio da AJL Locadora.


O Estúdio Correio produz conteúdo sob medida para marcas, em diferentes plataformas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas